Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

EM SÉRIE

Estrela de emissoras rivais, Hebe Camargo ganha horário nobre da Globo em julho

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Andréa Beltrão faz uma cara de choro caracterizada como Hebe Camargo, no primeiro episódio da série do Globoplay

Andréa Beltrão interpreta Hebe Camargo na série da Globo que será exibida em julho na TV

REDAÇÃO

Publicado em 23/6/2020 - 16h31

Estrela de emissoras rivais, Hebe Camargo (1929-2012) ganhará espaço no horário nobre da Globo a partir de julho. A vida da apresentadora será contada em dez capítulos na série Hebe, disponível no catálogo do Globoplay, serviço de streaming da emissora, desde dezembro do ano passado. Na produção, Andréa Beltrão dá vida à uma das personagens mais importantes da TV brasileira.

A atriz Valentina Herzage interpreta Hebe entre 1943 e 1954, já Andréa assume o papel entre os anos de 1965 e 2012. A série narra a história da artista desde quando saiu do interior de São Paulo até se tornar um dos símbolos da televisão, durante os quase 60 anos de carreira.

Além disso, a produção busca ir além da conhecida imagem diante das câmeras, desvendando o lado mais humano e íntimo de Hebe e mostrando o que acontecia quando as luzes se apagavam.

A apresentadora foi uma das grandes estrelas do SBT e encerrou sua trajetória na RedeTV!. Hebe Camargo morreu aos 83 anos, em dezembro de 2012. Ela lutava contra o câncer desde 2010.

A série Hebe é escrita por Carolina Kotscho, tem direção artística de Maurício Farias e direção de Maria Clara Abreu. "Trata-se da história de uma estrela da televisão contada por um ponto de vista muito pouco conhecido do público: os paralelos da vida da Hebe fora do palco, em família, entre amigos e amores", afirmou Farias. 

No elenco, ainda estão Marco Ricca, Gabriel Braga Nunes, Danton Mello, Ângelo Antônio, Caio Horowicz, Flávio Migliaccio, Walderéz de Barros, Sandra Corveloni, Daniel de Oliveira e Emílio de Mello.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?