Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

QUADRO DE SUCESSO

Faustão recria Dança dos Famosos na Band e sofre com orçamento baixo

DIVULGAÇÃO/BAND

Fausto Silva apresentando o seu programa na Band

O quadro Dança dos Famosos vai ganhar uma versão no programa de Fausto Silva, na Band

CARLA BITTENCOURT, colunista

carla@noticiasdatv.com

Publicado em 5/7/2022 - 6h35

Quadro de maior sucesso do extinto Domingão do Faustão (1989-2021) e do Domingão com Huck, o Dança dos Famosos vai ganhar uma versão no programa de Fausto Silva, na Band. A produção da atração, no entanto, está com bastante dificuldade em conseguir um elenco com nomes de peso por causa do baixo orçamento. O cachê mensal de R$ 20 mil, o prêmio de R$ 80 mil e a pouca repercussão da atração dificultam a aceitação de artistas relevantes.

O quadro foi batizado de Bailão do Faustão e não terá bailarinos profissionais. Os artistas participantes dançarão entre eles em semanas intercaladas, sempre ao vivo, às sextas-feiras. A estreia está prevista para acontecer em 19 de agosto e irá até meados de dezembro.

Os ensaios serão três vezes na semana --às segundas, quartas e quintas-- e durarão duas horas. O participante do quadro do Faustão na Band que precisar faltar terá direito a reposição de aula para não chegar despreparado na apresentação.

Recentemente, João Guilherme Silva, filho de Fausto Silva, foi contratado pela Band após seis meses de "estágio" na emissora. O comunicador de 18 anos estava ao lado do pai desde janeiro, quando o programa de Faustão estreou na emissora. O acordo, no entanto, só foi assinado na quarta-feira (29). "Nunca vou esquecer", disse o jovem nas redes sociais. 

"Muito feliz de assinar meu primeiro contrato com o Grupo Bandeirantes de Comunicação. Nunca vou me esquecer do dia 29 de junho de 2022", escreveu o apresentador. Ele também compartilhou uma imagem em que aparece assinando o documento.


Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.