Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

MICHELLE GIANELLA

Chefe da Gazeta é acusada de negociar reportagens com nudes de jornalistas

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Michelle Gianella nos bastidores de gravações da Gazeta

Michelle Gianella, apresentadora da Gazeta e gerente do departamento de Esportes da emissora

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 7/7/2022 - 11h49
Atualizado em 7/7/2022 - 15h46

Michelle Gianella, apresentadora e gerente do departamento de Esportes da Gazeta, teria incentivado funcionárias a negociarem reportagens com atletas por meio do envio de fotos íntimas. Segundo relatos, os pedidos aumentaram em 2019, ano em que ela foi promovida a gerente. Também acusada de causar problemas psicológicos em um ex-funcionário, Michelle negou tudo e afirmou ser vítima de um complô.

"Isso não existe, isso é mentira. Eu sou mulher, eu estou há 24 anos neste trabalho e eu nunca usei o meu corpo para me expor ou para eu conseguir alguma coisa com algum atleta. E falar para uma mulher mandar foto de biquíni para um assessor? Pelo amor de Deus, gente, não tem isso", defendeu-se ela em entrevista ao UOL.

O site publicou reportagem com relatos de pessoas que trabalharam com Michelle na emissora. Em um dos depoimentos de acusação, uma repórter, que pediu para não ser identificada, revelou que viveu muitos episódios de machismo na Gazeta.

"Quando finalmente já estava fora de moda esse tipo de coisa, tive que ouvir um absurdo desse de uma mulher. Ela falava com sorriso no rosto. Me senti uma incompetente que só conseguiria trabalhar se mostrasse o corpo", revoltou-se a vítima.

O jornalista Guilherme Camarada, que trabalhou na Gazeta de 2010 a 2022, confirmou a versão da colega: "Ela disse para a jornalista enviar uma foto de biquíni para conseguir entrevista. E o mais inacreditável é que ela fala na frente de todo mundo, como se fosse natural", revoltou-se ele.

Outras fontes ouvidas pelo UOL afirmaram que algumas atitudes da chefe se tornaram problemáticas para os subordinados. Um deles desenvolveu um quadro de depressão, que atribuiu ao comportamento da então chefe, e foi demitido após apresentar um atestado médico. Por outro lado, o comentarista Chico Lang defendeu Michelle e afirmou que nunca presenciou tais comportamentos.

O que diz a Gazeta?

Procurada pelo Notícias daTV, a Gazeta classificou as informações como "infundadas". Segundo a emissora, não há registros internos de assédio e abusos, que chegaram até a comunicação interna apenas depois da publicação da reportagem do UOL. Confira abaixo o posicionamento na íntegra:

"Com base nessas sinalizações, informamos que a gestão de pessoal do departamento de esportes está sendo acompanhada de perto com o objetivo de garantir a manutenção do bom ambiente profissional da equipe.

A emissora ressalta que possui um canal aberto com todos os colaboradores da casa e incentiva a denúncia de comportamentos abusivos. Por filosofia, a TV Gazeta e a Fundação Cásper Líbero valorizam a boa convivência entre seus colaboradores, buscam o aprimoramento e implementam práticas visando corrigir quaisquer incorreções que possam ser identificadas".

TUDO SOBRE

TV Gazeta


Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.