Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

CONEXÃO ROMPIDA

Netflix confirma cancelamento de Sense8 após duas temporadas

Divulgação/Netflix

Os atores Brian J. Smith e Tuppence Middleton em cena da segunda temporada de Sense8 - Divulgação/Netflix

Os atores Brian J. Smith e Tuppence Middleton em cena da segunda temporada de Sense8

REDAÇÃO

Publicado em 1/6/2017 - 15h03

Sucesso no Brasil, a série Sense8 teve seu fim anunciado nesta quinta-feira (1º) pela Netflix, após duas temporadas. O cancelamento foi confirmado em nota divulgada pelo serviço de streaming.

"Depois de 23 episódios, 16 cidades e 13 países, a história de Sense8 está chegando ao fim. Ela foi tudo o que os fãs sonharam que fosse: ousada, emocionante, estonteante, poderosa e simplesmente inesquecível", afirmou Cindy Holland, vice-presidente de conteúdo original da Netflix.

Com gravações na América, África, Europa e Ásia, a série tinha um custo de produção elevada e era demorada. Sense8 é a terceira superprodução da plataforma a ser encerrada sem conclusão em menos de um ano: antes, as caríssimas Marco Polo e The Get Down também foram canceladas.

No Twitter, o ator Brian J. Smith, que vivia o policial Will, lamentou o fim: "Sinto muito, pessoal. Obrigado por sua paixão e pelo apoio nestes últimos dias, foi muito comovente ver tanta gente mostrar seu amor pelo programa. Em frente!", escreveu.

A série, criada pelas irmãs Lana e Lilly Wachowski (de Matrix) e J. Michael Straczynski (de Babylon 5), mostrava oito pessoas espalhadas ao redor do mundo que se conectavam mentalmente e conseguiam sentir o que os outros sete sentiam. Com altas doses de sensualidade e cenas de sexo, Sense8 chamou a atenção por exibir o ator Max Riemelt em nu frontal, fato raro em séries.

Apesar de ser adorada pelos fãs brasileiros, Sense8 não repetiu a repercussão em outros países, sendo vista por um público bem menor no exterior. Para agradecer o apoio do Brasil, o elenco gravou cenas da segunda temporada na Parada Gay de São Paulo do ano passado.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você espera ver na TV em 2021?