Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

'Pato Branco, daí'

Como Bozena de Toma Lá Dá Cá virou folclore e popularizou cidade no Paraná

Divulgação/TV Globo

A atriz Alessandra Maestrini sorri caracterizada como Bozena, em cenário do humorístico Toma Lá Dá Cá

A atriz Alessandra Maestrini caracterizada como Bozena, a empregada de Pato Branco de Toma Lá Dá Cá

FERNANDA LOPES

Publicado em 8/8/2020 - 6h45

A atriz Alessandra Maestrini é natural de Sorocaba, interior de São Paulo, mas muita gente acha que ela é de Pato Branco, cidade pequena no sudoeste do Paraná. Isso acontece por causa de Bozena, personagem patobranquense que ela interpretou em Toma Lá Dá Cá (2007-2009) e pela qual é reconhecida até hoje, inclusive fora do Brasil. Para Alessandra, Bozena já faz parte do folclore e da cultura pop nacional.

Na série, que passa a ser reprisada na Globo aos sábados, às 14h, Bozena se mudou de Pato Branco para o Rio de Janeiro, onde trabalha como empregada doméstica das duas famílias protagonistas.

Ela mantém o forte sotaque do interior do Paraná, vive contando causos de sua cidade e fazendo comentários inconveniente para seus patrões, o que divertia muito os telespectadores na exibição original.

Segundo Alessandra, o fato de Bozena ser de Pato Branco foi uma invenção de Miguel Falabella, autor e protagonista do programa. Ela nunca havia ido até lá, mas se inspirou no jeito de falar dos habitantes. A representação foi tão bem-sucedida que a atriz foi homenageada com uma medalha na Câmara Municipal do local, em 2007, e ajudou a fomentar o turismo em Pato Branco.

"Bozena entrou para o folclore nacional, entranhou-se na nossa cultura. Pato Branco segue sendo visitadíssima, não só nas TVs abertas, fechadas, YouTube, aplicativos e redes sociais mas geograficamente, por inúmeros turistas curiosos por conhecer a cidade, da qual Bozena fala com tanto orgulho", afirma.

Para a atriz, o papel também rendeu frutos. Até a estreia de Toma Lá Dá Cá, sua carreira na TV era constituída praticamente de participações especiais de um episódio só. Após a série, ela ganhou muito mais reconhecimento como atriz.

Na televisão, teve papéis fixos em séries como Sexo e as Negas (2014), A Cara do Pai (2016-2017), e Eu, a Vó e a Boi (2019), além de ter participado do Show dos Famosos, no Domingão do Faustão, em 2019, e da comédia Samantha! (2019), da Netflix. Do Toma Lá Dá Cá, ela só guarda boas lembranças.

"A gente se divertia muito gravando. Pessoalmente, fiz amigos inestimáveis para toda a vida. Profissionalmente, ganhei reconhecimento não só nacional, mas internacional, já que o programa é revendido e segue sendo reprisado em vários países", conta ela.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Quem deve ser a nova Juma Marruá?