Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

Análise | Teledramaturgia

Tony Ramos emplaca como vilão e mostra que é o maior ator do Brasil

Reprodução/TV Globo

O ator Tony Ramos em A Regra do Jogo; vilão Zé Maria caiu no gosto do público da novela - Reprodução/TV Globo

O ator Tony Ramos em A Regra do Jogo; vilão Zé Maria caiu no gosto do público da novela

RAPHAEL SCIRE

Publicado em 17/10/2015 - 6h33

Em 1998, logo no primeiro capítulo de Torre de Babel, José Clementino matava a mulher infiel a pauladas. A violência da cena chocou o público e afastou a audiência da então novela das oito, escrita por Silvio de Abreu. A ambiguidade do personagem, um homem bruto mas que guardava dentro de si bons sentimentos, também contribuiu para que o público torcesse o nariz para a criação de Tony Ramos, ator sempre visto como mocinho e não como vilão.

Passados 17 anos, o mesmo Tony Ramos volta a interpretar um tipo cheio de camadas em A Regra do Jogo, a atual trama das nove da Globo, e sua aceitação mostra, no mínimo, um amadurecimento do público brasileiro, que hoje é capaz de diferenciar personagem de ator.

Zé Maria, tal qual a Flora de A Favorita (2008), enganou o público com sua cara de bom moço e seu discurso de inocente injustiçado, porém já revelou-se um bandido impiedoso, capaz de assassinar inocentes dentro de um ônibus no episódio que ficou conhecido na novela como chacina de Seropédica. A cena em que a verdade é revelada impressionou pela atuação precisa, cheia de ódio e frieza com que Zé Maria cometeu o crime.

Foragido da polícia, Zé Maria manipulou o filho, Juliano (Cauã Reymond), e a ex namorada, Djanira (Cássia Kiss). Os fez acreditar em sua inocência. Contra ele, a palavra de Romero Rômulo (Alexandre Nero) e a vontade de justiça do policial Dante (Marco Pigossi), que, ainda criança, testemunhou o massacre. Agora, encontra na mocinha Toia (Vanessa Giácomo) mais uma pedra em seu sapato.

Tony Ramos imprimiu diversas nuances em sua criação. O ator protagonizou cenas dramáticas com Cássia Kiss e Alexandre Nero e em todas soube diferenciar os sentimentos ambíguos do personagem. Ao mesmo tempo em que soube ser doce com a namorada e com o filho, revelou-se violento e cínico com seu principal inimigo. Seu olhar é um outro exemplo da composição acertada do ator: chega a ser diabólico quando o verdadeiro Zé Maria está em ação.

Curioso é notar que Ramos vem de dois trabalhos em que seus personagens escambavam para o lado da maldade. No remake de Guerra dos Sexos (2012), Otávio fazia de tudo para tirar a prima Charlô (Irene Ravache) da disputa por uma herança, mas havia ali a capa do humor a protegê-lo do maniqueísmo.

Já em O Rebu (2014), Carlos Braga era um empresário corrupto que encomendou a morte de Angela Mahler (Patrícia Pillar). Dentro de uma narrativa um tanto confusa, o personagem deixou a desejar, e Ramos não teve a chance de mostrar todo o seu talento, diferentemente do que podemos observar hoje no ar.

É de se considerar que o texto de João Emanuel Carneiro também ajuda no crescimento do personagem. O ator, experiente, soube extrair do subtexto da novela tudo o que era necessário para construir um vilão de marca maior: sem exageros, sem caras e bocas e sem histrionismo. Definido pelo próprio ator como um psicopata, Zé Maria é do tipo que não precisa berrar para botar medo.

Com A Regra do Jogo, Tony Ramos deixa de lado a pecha de bom moço que sempre o acompanhou em sua carreira e finalmente emplaca como um malvado. Mostra que é o maior ator do Brasil.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você espera ver na TV em 2021?