Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
X
Instagram
Youtube
TikTok

RECUPERA MEMÓRIA

Quando César Montebello volta para Fuzuê? Saiba como ele ressurgirá na novela

LÉO ROSÁRIO/TV GLOBO

Leopoldo Pacheco caracterizado como César/Carlos; ele está com a barba longa e usa roupas gastas em cena de Fuzuê

César Montebello (Leopoldo Pacheco) assumiu a identidade de Carlos após perder a memória

SABRINA CASTRO

sabrina@noticiasdatv.com

Publicado em 8/12/2023 - 11h17

Após bons anos fora de casa, César Montebello (Leopoldo Pacheco) recuperará subitamente sua memória em Fuzuê. O veterano ouvirá uma menção à Dama de Ouro, se lembrará do rosto da filha e correrá de volta para o Rio de Janeiro no capítulo da próxima terça (13) da novela das sete da Globo.

Asilado em uma cabana na Floresta Amazônica, o pesquisador dará de cara com uma joia antiga e ficará encucado. Julião (Romulo Arantes Neto) notará a estranheza do colega. "Essa joia está fazendo você se lembrar de alguma coisa do seu passado?", perguntará ele.

"Acho que eu já vi antes. Só não lembro onde...Desgraça de falta de memória! Quem mandou?", questionará César. O assistente explicará que o coronel enviou a joia para análise, pois a recebeu como parte de um pagamento e quer saber se é verdadeira. O pesquisador acenará com a cabeça e começará seu trabalho.

Após algum tempo, o personagem de Leopoldo Pacheco dará o trabalho como encerrado. Dirá se tratar de uma joia antiga e rara, que vale muito dinheiro. Contudo, ele continuará encafifado. Chegará a perder o equilíbrio diante das visões que terá. Ele só conseguirá voltar a si quando Julião lhe trouxer mais trabalho.

Mais uma vez, o colega perceberá o estado do veterano. "Você está tendo aquelas visagens de novo?", perguntará Julião. "É diferente, não sei explicar... Essa joia, é como se ela tivesse aberto alguma porta na minha memória, finalmente! Eu lembrei de uma moça... Uma moça com cara de anjo", indicará o pesquisador, sem saber se tratar de Preciosa (Marina Ruy Barbosa), sua filha.

Ainda assim, ele tentará se concentrar no trabalho a sua frente. Julião dirá que as peças também foram roubadas no Rio de Janeiro, como a anterior. "O sujeito quer vender para ele, mas o coronel mandou você ver se são tão valiosas como a outra", afirmará o amigo. "Mas que preciosidades nós temos aqui, rapaz. São joias de primeira! Muito antigas!", afirmará.

Julião explicará que são peças de um catálogo do patrimônio que pertenceu a uma mulher que morreu faz muito tempo --conhecida como Dama de Ouro. Nesse momento, César terá uma lembrança forte de seu passado: o momento em que conta para Preciosa sobre os relatos e pistas deixadas em livros sobre o tesouro da Dama de Ouro.

O pai de Luna (Giovana Cordeiro) quase cairá para trás. Ele empadelicerá e tremerá, a ponto de assustar Julião. "Seu Carlos, estou mais preocupado! Que foi que eu disse? Do que é que você se lembrou agora?", questionará o homem, chamando o colega pelo nome que ele adotou após perder a memória.

"Dama de Ouro, as joias dela...", soltará ele, dominado pela emoção. "Isso é da minha vida anterior... Eu não sou Carlos, não. Me veio como se fosse um relâmpago! Meu nome é César... César Montebello. E eu tenho que voltar para a minha vida de antes", declarará ele. 

O homem fará suas malas e partirá quase que na mesma hora, rumo à Cidade Maravilhosa. Julião irá junto, sem saber da presepada em que estará se metendo. Os dois chegarão ao Rio no capítulo da próxima quinta (14), no meio do casamento de Bebel (Lilia Cabral) e Nero (Edson Celulari).


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações do que vai acontecer em Fuzuê e outras novelas.


Resumos Semanais

Fuzuê: Resumo dos próximos capítulos da novela da Globo - 23/2 a 2/3

Sexta, 23/2 (Capítulo 167)
Luna fica enciumada com a atenção dada para Rebeca na casa de Nero. Pascoal tenta intimidar Merreca. Heitor se recusa a fazer uma declaração com Selena à imprensa. Bebel toma uma decisão sobre a vida de ... Continue lendo

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.