Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

Novela das nove

Império: Falidos, filhos entram em guerra após 'morte' de José Alfredo

Reprodução/TV Globo

Alexandre Nero, Caio Blat, Lilia Cabral e Daniel Rocha em barraco exibido nesta semana em Império - Reprodução/TV Globo

Alexandre Nero, Caio Blat, Lilia Cabral e Daniel Rocha em barraco exibido nesta semana em Império

MÁRCIA PEREIRA

Publicado em 10/12/2014 - 16h36
Atualizado em 13/12/2014 - 5h00

Logo após enterrar José Alfredo (Alexandre Nero) na novela Império, Maria Marta (Lilia Cabral) e seus filhos vão descobrir que a empresa da família está sem nenhum tostão, prestes a falir. Com as contas zeradas, a Império das Joias não terá dinheiro nem para pagar os funcionários no fim do mês. Quase ao mesmo tempo, eles descobrirão que Cristina (Leandra Leal) será a sucessora do comendador. José Pedro (Caio Blat) e Maria Clara (Andreia Horta) vão declarar guerra à ex-camelô, mas, após uma passagem de tempo, todos se unirão para pagar as contas e reerguer a empresa.

Só depois de muita troca de farpas, todos vão ficar sabendo que José Alfredo foi quem fez a limpeza nas finanças da empresa. Eles deduzirão que o todo-poderoso fez isso com medo de ter o dinheiro confiscado pela Justiça. O comendador será acusado de contrabando de pedras, apropriação indébita e assassinato em reportagem que será publicada por Téo Pereira (Paulo Betti) em seu blog.

As cenas serão exibidas na noite do dia 23 na trama da Globo. A princípio Marta tentará anular a documentação assinada pelo homem de preto na qual ele nomeia Cristina presidente da empresa. Ela vai espernear à toa. "José Alfredo fez tudo dentro da lei, não há nenhum outro documento que possa contestá-lo. Ele até anulou o testamento que beneficiava vocês todos e não fez outro”, avisará o advogado da empresa, Merival (Roberto Pirillo).

Rombo nas finanças

O mais desesperado ao descobrir que a Império das Joias está à beira da falência será José Pedro. Ele e Clara vão pressionar Cristina para saber se ela teve algo a ver com o sumiço do dinheiro. "Mesmo que nosso pai quisesse me dar acesso às contas bancárias da Império, eu não iria aceitar. Eu não aceitaria porque, na minha opinião, esse acesso deve ser um privilégio apenas do diretor financeiro da empresa", responderá a loira.

Cristina vai bater boca com os irmãos, mas não perderá o controle em nenhum momento. Ela será a única pessoa da família que saberá que José Alfredo está vivo e fez o que fez para preservar o patrimônio da família. "Só estou deixando claro para todos vocês que também fiquei surpresa com a notícia... Até porque sei o que ela significa para o bom andamento da Império", argumentará a administradora.

Joias e bens vendidos

Marta surpreenderá a todos acabando com as discussões. Ela pedirá para os herdeiros de José Alfredo se unirem para encontrar uma solução para que o "império não vá para o buraco". No capítulo seguinte, haverá o salto de algumas semanas na novela das nove. O público verá todos trabalhando arduamente para que a Império das Joias não seja fechada. A "imperatriz" e os filhos venderão joias e imóveis para pagar dívidas da empresa.

Eles também aparecerão investigando em qual paraíso fiscal o dinheiro da Império das Joias pode estar. No final do capítulo do dia 23, José Alfredo aparecerá recomeçando a vida em um garimpo na região de Nova Califórnia, em Minas Gerais.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Prêmio NTV Melhores do ano

Leia também

Enquete

Quem foi o melhor ator ou atriz de novela do ano?

Web Stories

+
Mansão nova, presença VIP e publis: Saiba tudo sobre a carreira de Deolane BezerraÚltima temporada de La Casa de Papel: Após o fim, série já tem spin-off confirmadoFicção virou realidade: Casa de Esqueceram de Mim é aberta ao público; veja fotosDivórcio, tragédia e treta: 5 notícias que peões de A Fazenda 13 não sabemJuan Paiva rouba a cena em Um Lugar ao Sol; conheça a história do ator

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas