Autoestima

Eterno cigano Igor, Ricardo Macchi acredita ter sido 'influencer número 1 do Brasil'

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

O ator Ricardo Macchi  com expressão séria, caracterizado como o cigano Igor na novela Explode Coração, exibida em 1995

Ricardo Macchi ficou famoso no Brasil ao interpretar o cigano Igor na novela Explode Coração (1995)

FERNANDA LOPES - Publicado em 21/06/2020, às 06h12

As lembranças que Ricardo Macchi tem da época em que interpretou o cigano Igor, seu personagem em Explode Coração (1995), são as melhores possíveis. Ele estreou na TV na novela, que entrará para o catálogo do Globoplay nesta segunda (22), e ganhou muita repercussão para o bem e para o mal. O ator, porém, prefere focar apenas na fama que conquistou e considera que foi o influenciador pioneiro no Brasil, há 25 anos.

"Participei de todos os capítulos da novela circulando pelos diferentes núcleos. O personagem Igor dava muito ibope e estava presente de alguma forma em todas as tramas. Igor sem dúvida alguma é um dos maiores sucessos masculinos de personagens da TV", declara o intérprete. Ele afirma que saiu em 57 capas de revista na época, o que comprova que foi o "influencer número um do Brasil" em 1995.

Macchi, que hoje tem 50 anos, considera também que influenciou tendências comportamentais da população brasileira. Com base em uma pesquisa do IBGE publicada pela revista Veja em 1996, ele diz que 100 mil bebês foram batizados com o nome Igor no período de um ano, quando Explode Coração estava no ar. O ator dá o crédito a si mesmo por isso.

"Nenhum outro personagem masculino teve relevância tamanha em mudança comportamental devido à cultura popular. Havia apenas 30 mil Igors em outubro de 1995, e em outubro de 1996 já havia 130 mil. É para comemorar muito e eternamente [o papel], assim como ser recordista masculino em nomes de crianças registradas em cartórios brasileiros e portugueses na época", conta o ator.

Sem expressão

No entanto, ao longo de Explode Coração, Macchi foi muito criticado por sua atuação, pouco natural e contrastante com o trabalho dos demais atores. Em relação a isso, Macchi apenas enviou um link à reportagem do Notícias da TV de uma entrevista dada por Gloria Perez, na qual a autora declara que houve má vontade dos críticos em relação ao personagem.

Após fazer parte do triângulo amoroso central do folhetim ao disputar a mocinha Dara (Tereza Seiblitz) com o galã Júlio (Edson Celulari), ele seguiu na TV. Chegou a fazer outras novelas na Globo (Por Amor, Malhação) e na Record (Metamorphoses, Os Mutantes), além de participar de reality shows (Casa dos Artistas 2, Que Marravilha!).

Entretanto, neste ano, Macchi mudou de área. Ele se tornou diretor artístico de um canal chamado TV8, uma TV de sinal aberto com transmissão em São Paulo. O ator diz que já trabalha com produção, roteirização e direção desde 1996 e, agora, está realizando um sonho.

"Minha vida de produtor executivo, diretor, roteirista está ótima e colho frutos de 35 anos de experiência com audiovisual. Ser diretor do entretenimento da TV8 não tem preço. Zelo pelo bom gosto, alta performance, alto padrão de qualidade, valores e família. Tudo isso transformo neste sonho de construir uma nova TV aberta, um sonho realizado com todas as dificuldades desta era de 2020", conclui.


Inscreva-se no canal do Notícias da TV no YouTube e assista a vídeos com revelações sobre o mundo das celebridades e novelas!

Outras novelas

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual próxima reprise da Globo você mais quer ver?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook