Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

Vladimir Brichta

Em 'crise pessoal', ator fica dez anos sem fazer novelas na Globo

Reprodução/Globo

O ator Vladimir Brichta em cena de Rock Story; ele retorna a uma novela após 11 anos - Reprodução/Globo

O ator Vladimir Brichta em cena de Rock Story; ele retorna a uma novela após 11 anos

ANDRÉ ROMANO

Publicado em 27/10/2016 - 6h01

Longe das novelas desde 2006, Vladimir Brichta interpretará o protagonista de Rock Story, próxima trama das sete da Globo. O ator de 40 anos viverá o roqueiro decadente Gui Santiago, bem diferente de seu último papel em uma novela, quando interpretou o mimado e mulherengo Narciso em Belíssima.

Nos dez anos em que ficou afastado dos folhetins, Brichta atuou em séries, minisséries e especiais, como Tapas e Beijos (2011-2015) e Justiça (2016). Ele admite que decidiu se dedicar apenas a esses formatos porque estava em crise e insatisfeito com sua carreira na TV.

"Esse afastamento foi uma opção minha. Na hora em que terminei Belíssima, entrei em uma crise pessoal. Percebi que eu não estava trabalhando contente, meu rendimento estava ruim. Aí negociei com a TV [Globo], era uma época em que eu queria me dedicar mais ao teatro, que é de onde eu venho. Fiz duas peças. Não demorou muito tempo e surgiram vários convites para fazer séries. Fiz Tapas e Beijos, Justiça, segui o meu caminho. Aceitei participar dessa trama [Rock Story] porque amei o enredo em si. Gosto de me desafiar", explica.

A volta às novelas traz um nervosismo de iniciante ao ator veterano. Ele estreou na Globo em 2001 e desde então já participou de 17 produções, mas dessa vez tem medo da recepção de um público específico: os adolescentes.

"[Não estou] Nem um pouco preparado. Não sei o que vai ser. Tenho um público adolescente muito grande, da época de Tapas e Beijos, não faço ideia do que esse público vai achar de mim. Remete também ao meu início na TV, eu não sabia como ia bater o meu trabalho. Fiz o meu melhor e deu certo. Se eu virar o tiozão roqueiro, vou ficar bem feliz", confessa.

Na trama, o personagem de Brichta sofre nas mãos do fenômeno sertanejo Léo Régis, interpretado por Rafael Vitti, 20 anos. O jovem cantor não só rouba uma música do roqueiro como também tem um caso com a ex-mulher dele, Diana (Alinne Moraes).

Durante as gravações, Brichta já foi chamado de "tio" por uma fã, mas jura que não se incomoda e é bem diferente do personagem nesse ponto.

"Ele [Gui] tem um temperamento mais explosivo, que eu acho que brinca um pouco com esse estereótipo do roqueiro. Os erros que ele comete são mais pela impulsividade, [pela] falta de tranquilidade. É bacana fazer isso, dá para ver a curva do personagem. Ele vai mudar um pouco, porque vai se tornar pai de um filho já adolescente. O temperamento dele vai ser afetado", revela.

César Alves/TV Globo

Vladimir Brichta como o cantor Gui Santiago em Rock Story; novo visual confundiu a família

Maturidade
Na vida real, Brichta é pai de Agnes, de 19 anos, e de Vicente, 10, seu filho com Adriana Esteves. A mudança de visual para interpretar o protagonista de Rock Story confundiu o caçula. Além de colocar aplique no cabelo, o ator ganhou duas tatuagens de silicone e tem usado brinco na orelha.

"Em casa o pessoal estranhou. Eu já tinha a orelha furada. O menor olhou o brinco e falou: 'Achei bem legal'", conta.

Para compor o roqueiro desiludido e de meia-idade, Brichta usou como exemplo artistas famosos de sua geração: "Me inspirei no [ator e músico] Johnny Depp. Ele é meio pirata (risos), tem banda. Peguei um pouco dele. Comentam que eu estou parecido com o [cantor e guitarrista] Chris Cornell, achei parecido mesmo. Li algumas biografias e tudo mais", diz.

Nas cenas, Brichta canta de verdade _ele também tem feito aulas para melhorar sua técnica como guitarrista. O ator sabe que seu desempenho como astro da música ainda não está completamente desenvolvido, mas se sente confiante para reestrear nas novelas como um vocalista e protagonista em Rock Story.

"Posso ter tido momentos em que [a paixão pela profissão] não era tão evidente. De televisão, são 15 anos. Nesse período, já errei, já acertei, já me cansei. Mas hoje posso dizer que estou muito mais próximo daquele frescor, daquela vontade, daquele tesão do trabalho que eu tinha quando eu entrei no Projac pela primeira vez. Hoje, acho que tenho o mesmo encanto daquela época. Entendo muito o que acontece por trás, isso me alimenta bastante", afirma.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Últimas de Rock Story


Outras Novelas

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?