Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

RESUMÃO

Quem saiu do No Limite? Saiba como nono eliminado perdeu R$ 500 mil

REPRODUÇÃO/GLOBOPLAY

Imagem de Vanderlei Ramiro em No Limite 6

Vanderlei Ramiro em No Limite 6; professor de inglês foi eliminado e perdeu R$ 500 mil

ERICK MATHEUS NERY

erick@noticiasdatv.com

Publicado em 1/6/2022 - 0h05

Vanderlei Ramiro deixou a disputa pelo prêmio de R$ 500 mil do No Limite 6 (Globo). No episódio desta terça-feira (31), o professor de inglês sofreu por não ter formado laços fortes na Tribo Sol e foi alvejado com sete votos no Portal de Eliminação.

"Nunca pude testar tão bem a força e garra que tinha, porque nunca pude competir de uma maneira formal. Estar aqui e poder colocar a força total foi uma realização muito grande", afirmou Ramiro após a eliminação.

A derrota de Ramiro começou após a saída de Patrícia Tomé, da Tribo Sol. No trajeto de volta para o acampamento, os integrantes decidiram repetir a estratégia da Tribo Lua e canalizar a raiva da derrota para a prova.

No dia seguinte, Matheus Pires soltou seu tradicional veneno: "As pessoas falavam mal do barulho, que irritava, as reclamações. Aí, fica todo mundo falando: 'Ah, nossa, que tristeza, Patrícia saiu'. Confesso que acho um pouco falsidade assim".

No lado lunar, Ipojucan Ícaro reforçou que a força do ódio seguiria sendo utilizada pela equipe em busca da vitória.

Prova do Privilégio

Em mais um circuito, os participantes precisavam atravessar obstáculos e montar um quebra-cabeça no menor tempo possível. Guza Rezê, da Tribo Lua, se atrapalhou na parte dos obstáculos, o que atrasou a equipe.

Enquanto isso, Pires, Pedro Castro e Lucas Santana aproveitaram este tempo para adiantarem o quebra-cabeça, o que assegurou a vitória do time amarelo. Ninha Santiago, que ficou revoltada com Ícaro no episódio passado, deu o troco e provocou o adversário após a vitória. Clécio Barbosa, uma das plantas da Tribo Sol, fez uma participação especial na edição para explicar que a vitória tinha dado um gás para a equipe.

No lado azul, Bruna Negreska reclamou da gritaria dos colegas de equipe durante a etapa do quebra-cabeça. Guza pediu desculpas aos parceiros por causa dos tombos na prova, atitude aceita pela equipe.

Na articulação dos votos, Pires e Castro afirmaram que as mulheres da Tribo Sol pretendem votar em Vanderlei Ramiro, e o professor de inglês ficou em estado de alerta. Na Tribo Lua, uma cobra "visitou" o acampamento, o que causou pânico nos competidores.

Prova da Imunidade

No circuito mais importante do episódio, os competidores precisam cumprir os obstáculos dentro d'água. Nesta prova, um participante precisava atravessar um caminho em uma estrutura suspensa pelos demais competidores. 

Santana não conseguiu se equilibrar nos pilares, o que prejudicou a Tribo Sol. Enquanto isso, na Tribo Lua, Janaron Uhãy fez seu nome e conseguiu êxito nesta etapa do circuito. Assim, os participantes do lado azul conquistaram vantagem e venceram o desafio.

No lado solar, Santana chorou com a derrota e foi consolado pelos demais colegas na tribo. Por causa da perda, ele presumiu que seria um dos alvos da tribo no Portal.

O professor de inglês também sentiu que estava na mira e buscou uma sobrevida no jogo. Porém, Pires recordou que Ramiro tinha rejeitado seus apelos em um Portal anterior --então, decidiu pagar na mesma moeda.

Portal de Eliminação

Na ida ao Portal, os integrantes da Tribo Lua zombaram da Tribo Sol, o que causou revolta nos perdedores do episódio. Antes da votação, Fernando Fernandes questionou se a tribo consideraria o bom relacionamento ou o desempenho nas provas. Pires respondeu que os critérios não eram excludentes e que poderiam ser analisados em conjunto.

Com sete votos, Vanderlei Ramiro foi eliminado da competição.


Saiba tudo que está rolando nos reality shows com o podcast O Brasil Tá Vendo

Ouça "#79 - Cinco motivos para assistir ao Power Couple (e dois para passar longe)" no Spreaker.


Últimas de No Limite 6

Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.