GÊNESIS

Flávio Galvão será Deus que dá bronca em nova novela bíblica da Record

Reprodução/Record

O ator Flávio Galvão como o personagem Nabote na minissérie Jezabel

Flávio Galvão como o personagem Nabote em Jezabel; ator dará voz a Deus na novela Gênesis

DANIEL CASTRO e FERNANDA LOPES - Publicado em 10/09/2019, às 05h23 - Atualizado às 13h47

Galã das novelas da Globo nas décadas de 1980 e 1990, Flávio Galvão vai interpretar aos 70 anos um "personagem que ninguém faz": Deus, ou melhor, a voz de Deus. O ator foi escalado para Gênesis, próxima novela bíblica da Record, que começa a ser gravada em novembro para estrear em abril de 2020. Outro ex-Globo, Oscar Magrini, viverá Noé.

Galvão já está fazendo sessões de fonoaudiologia e vai tentar fugir do que chama de voz "bombástica" para o Criador. Pretende construir um Deus "humano". 

"Biblicamente é o seguinte: Deus fez o homem à sua imagem e semelhança. Então, eu vou fazer esse meu Deus o mais humano possível, o mais à imagem e semelhança do homem. Ou seja, ele tem a bondade de um Deus, mas ao mesmo tempo tem uma coisa paterna, ele é um pai que dá pito, um pai que ensina", conta ao Notícias da TV.

"O Velho Testamento é muito mais de aprendizado, de amor, é para ensinar o homem a sobreviver nesse mundo fora de ordem. Então eu vou encaminhar meu personagem o mais que eu conseguir à imagem e semelhança do homem. Vou caminhar sem essa coisa bombástica de voz, vou fazer o mais humano possível", complementa.

Deus será seu terceiro trabalho na Record do bispo Edir Macedo. O primeiro foi a novela, também bíblica, Apocalipse (2017). Depois, fez a minissérrie Jezabel. O ator, com mais de 40 produções televisivas, atuou em obras como Cambalacho (1986), Tieta (1989) e A Indomada (1997).

O último trabalho na Globo foi em Império (2014). Seu personagem, no entanto, ficou sem função na novela de Aguinaldo Silva e foi assassinado

Nos últimos anos, sem espaço na teledramaturgia, chegou a ser comentarista de política no Jornal da Cultura.

Oscar Magrini interpretará Noé

A Record também fechou contrato com Oscar Magrini, galã da Globo que ficou marcado por ter interpretado o malandro Ralf em O Rei do Gado (1996). Magrini, que em 2018 atuou em Orgulho e Paixão, fez no mês passado uma rápida participação em A Dona do Pedaço, como marido da personagem de Gretchen.

Casal central do livro de Gênesis, Adão e Eva serão interpretados por atores com mais de dez anos de serviços prestados à TV, mas pouco conhecidos. Ela será vivida por Juliana Boller, e ele, por Carlo Porto. Igor Rickly dará vida a Lúcifer, e Raphael Sander, ao anjo Gabriel.

Daniel Castro
DANIEL CASTRO transformou a coluna de Televisão da Folha de S.Paulo na mais relevante do país durante sua passagem pelo jornal, entre 1991 e 2009. Trabalhou no Notícias Populares (1995-96) e R7 (2009-13). E-mail: dcastro@noticiasdatv.com

Leia também

Carregando… Carregando...