Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

EXCLUSIVO!

CNN Brasil negocia compra dos direitos de transmissão do Brasileirão

DIVULGAÇÃO/PALMEIRAS

Abraçados, Luiz Adriana, Bruno Henrique e Rony comemoram gol do Palmeiras

Os palmeirenses Luiz Adriano (à esq.), Bruno Henrique (atrás) e Rony; CNN faz negócio com a Turner

DANIEL CASTRO e VINÍCIUS ANDRADE

dcastro@noticiasdatv.com

Publicado em 8/9/2020 - 17h54

Os bastidores dos direitos de transmissão continuam agitados. O Notícias da TV apurou com fontes que a CNN Brasil está negociando com a Turner a compra dos jogos do Campeonato Brasileiro. A movimentação começou após a Globo mencionar na Justiça que a gigante norte-americana está desrespeitando a Lei da TV Paga brasileira.

De acordo com a legislação, a Turner não pode exibir os jogos da competição em seus canais em razão de sua ligação com a Sky. Ambas são controladas pela AT&T. A Lei de Acesso Condicionado, de 2011, proíbe que um mesmo grupo produza conteúdo e mantenha operadoras de televisão ou telefonia. 

A Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) e a Ancine (Agência Nacional do Cinema) ainda estão analisando o caso da AT&T. O temor do grupo é que de uma hora para outra uma decisão judicial retire o Campeonato Brasileiro da Turner, que tem acordo com oito clubes (Athletico-PR, Bahia, Ceará, Coritiba, Fortaleza, Internacional, Palmeiras e Santos) da Série A até 2024.

A negociação da CNN Brasil acontece diretamente com a divisão de esportes da Warner Media USA, com quem o CEO do canal de notícias, Douglas Tavolaro, tem bom relacionamento.

A CNN Brasil, 100% brasileira e licenciada da empresa americana, seria a solução estratégica para que os direitos permaneçam no grupo AT&T e com o apoio dos clubes brasileiros.

O canal trabalha com duas frentes: transmitir os jogos na própria CNN Brasil, o que seria algo mais emergencial, ou lançar, em médio prazo, o CNN Esportes. A iniciativa pode minar o embate da Globo com o grupo AT&T.

Globo x Turner

Em ação judicial, que corre na 3ª Vara Cível da Justiça do Rio de Janeiro, a Globo considera que a Turner "jamais poderia adquirir e explorar direitos de eventos esportivos realizados no país, sob pena de evidente afronta à norma legal".

"Também por essa razão, não se pode permitir a transmissão dos jogos do Campeonato Brasileiro pelas requeridas, em especial os jogos cujos direitos já foram validamente cedidos à Globo", complementa a emissora no documento, que tem mais de 30 páginas.

No momento, a Turner está proibida de exibir jogos do Brasileirão envolvendo clubes com os quais não tem contrato. O canal fez um movimento de que se beneficiaria da Medida Provisória 984, assinada pelo presidente Jair Bolsonaro, que dá ao time mandante o poder sobre a exibição de suas partidas, mas voltou atrás.


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?