Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

ENTENDA O CASO

Empresário acusa Sorocaba de esconder dinheiro para evitar pagar R$ 20 milhões

REPRODUÇÃO/ INSTAGRAM

Sorocaba sorri em show, com plateia ao fundo

Fernando Fakri de Assis, conhecido como Sorocaba: sertanejo tem dívida de R$ 20 milhões

IVES FERRO

ives@noticiasdatv.com

Publicado em 24/6/2022 - 16h17
Atualizado em 24/6/2022 - 17h00

Paulo Pissoloto, ex-empresário de Sorocaba, da dupla com Fernando, acusa o cantor de esconder bens como carros e imóveis no nome da família e amigos para não arcar com uma multa contratual de R$ 20 milhões. No último dia 17, a Justiça do Paraná decretou que o artista deverá pagar o valor milionário ao homem após dez anos de trâmites judiciais.

"As contas dele estão vazias, não tem nada no nome dele. O que ele tem já foi penhorado em outros processos. Por conta disso, o que ele fez: abriu uma empresa no nome do pai dele, e essa empresa é onde ele estava recebendo os faturamentos, os cachês dos shows dele. É essa empresa que está fazendo as licitações nas prefeituras", revelou o empresário no quadro A Hora da Venenosa, do Balanço Geral SP, nesta sexta-feira (24).

"Outros imóveis também não estão no nome dele. A nossa grande dificuldade é que ele está burlando, colocando todo o faturamento dele direcionado nessa empresa do pai, que é uma empresa de produções artísticas", expôs Pissoloto.

Segundo o depoimento do empresário, Sorocaba estaria com outras dívidas de mais de R$ 38 milhões além dessa multa contratual. "O próprio processo diz, nos autos, que ele está brincando com o judiciário e brincando conosco. Fica colocando recurso onde não cabe para ganhar tempo", alfinetou.

José Carlos de Assis, pai de Sorocaba, chamou o empresário de estelionatário em um post feito nas redes sociais, apagado minutos depois. "Ele está desesperado, dizendo inverdades e apelando, pois sempre afirmou ao Sorocaba que ele nunca teria que pagar isso, que não daria em nada, e com ar sarcástico. A Justiça está sendo feita", rebateu o homem ao R7.

Assista a entrevista abaixo:

O que diz Sorocaba

A briga judicial entre Sorocaba e Pissoloto acontece há dez anos, quando o cantor dispensou os trabalhos do então empresário e sua mulher. Procurado por Fabíola Reipert, de A Hora da Venenosa, o sertanejo ainda não se pronunciou sobre o caso.

Em nota divulgada em fevereiro, a assessoria de imprensa do cantor informou em nota: "O processo em questão encontra-se em discussão judicial. Existe ainda um julgamento pendente de recurso em última instância. Só nos manifestaremos após o encerramento do processo".


Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.