Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

SÔNIA DE PAULA

Cadeirudo de A Indomada, atriz emagrece 35 kg: 'Sou uma jovem senhora serelepe'

Reprodução/Instagram

A atriz Sônia de Paula sorri em duas imagens: em 2017, mais gordinha e de camisa azul clara, e em 2020, mais magra, de blusa vermelha

A atriz Sônia de Paula em 2017, antes de fazer cirurgia bariátrica, e em 2020, após emagrecer 35 kg

FERNANDA LOPES

fernanda@noticiasdatv.com

Publicado em 13/9/2020 - 7h01

Aos 66 anos, Sônia de Paula está aproveitando muito a vida e se sentindo com mais saúde. A atriz, que ficou conhecida por ter interpretado Lurdes, personagem que foi revelada como o Cadeirudo de A Indomada (1997), ganhou qualidade de vida após fazer uma cirurgia bariátrica. Hoje, ela está 35 quilos mais magra e se diz mais "serelepe".

"Fiz bariátrica, e foi a melhor coisa que eu fiz pra mim. Tinha muita dificuldade de emagrecer e aí resolvi fazer, me dei superbem. Não é fácil fazer reeducação alimentar, mas agora é outro tipo de vida. Sou uma jovem senhora toda ativa, toda serelepe, toda feliz", afirma ao Notícias da TV.

Segundo a atriz, a decisão de fazer a cirurgia no estômago foi além de uma questão estética. Ela sofria muito com dores nos joelhos e nos pés, que estavam sobrecarregados pelo excesso de peso.

"Depois da bariátrica, foi embora tudo [em relação às dores]. Estou muito feliz, a autoestima também levanta", ela explica.

Desde a semana passada, Sônia pode ser relembrada pelos telespectadores em A Indomada, que entrou para o catálogo do Globoplay. A personagem dela, Lurdes, era uma beata conservadora da cidade, e no penúltimo capítulo o público descobriu que ela era o Cadeirudo, figura com andar estranho que assustava as prostitutas locais.

Por onde anda?

Nos últimos dez anos, a atriz ficou afastada da TV e tem se dedicado a iniciativas voltadas ao público infantil. Ela criou o Lê Pra Mim?, projeto que leva sessões de leitura gratuitas a crianças em escolas e centros culturais. Até o início da pandemia, ela ainda estava com tudo acertado e patrocinador fechado para fazer uma nova peça em escolas públicas do Rio de de São Paulo.

Agora, enquanto espera poder retomar esse trabalho, Sônia tem se reinventado digitalmente, apresentando textos, saraus e lives nas redes sociais. "A gente não sabe quando as escolas vão reabrir, e quando reabrirem a gente sabe que vai ter uma fase de adaptação. Mas as nossas crianças não podem ficar sem cultura", declara.


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?