GRAVA EM CASA

Após 32 anos na TV, Astrid se reinventa no YouTube: 'Quero construir uma história'

Reprodução/YouTube

A apresentadora Astrid Fontenelle no escritório de sua casa, no primeiro vídeo de seu canal no YouTube

A apresentadora Astrid Fontenelle no primeiro vídeo de seu canal no YouTube, o Canal da Astrid

FERNANDA LOPES - Publicado em 11/03/2020, às 05h14

Aos 58 anos de idade, 32 deles apresentando programas na TV, Astrid Fontenelle decidiu começar uma nova fase no YouTube. Ela lançou canal próprio na plataforma, com vídeos todos feitos em sua casa. A apresentadora continuará comandando o Saia Justa, programa do GNT, mas se se reinventa agora ao criar seu conteúdo do zero.

"Tenho muitas ideias, queria começar a construir uma história minha. Afinal de contas, é a primeira vez que sou editora de mim mesma. Eu sempre tive muita liberdade em todos os lugares em que trabalhei, mas nunca criei as coisas. Tudo foi criado pra mim ou herdado. Agora quero fazer a minha história", diz.

A princípio, Astrid criou três formatos para seu canal, com vídeos que devem ir ao ar uma vez por semana. O primeiro, que já está no ar, chama-se Mulheres Admiráveis, em que ela conta histórias de mulheres marcantes, como a atriz Leila Diniz (1945-1972) e a jogadora de futebol Marta Vieira.

No segundo, ela entrevista amigos famosos (como Mônica Martelli e Fernanda Paes Leme) em sua casa, baseada num caderno de perguntas e respostas. E, no terceiro, chamado de Resumão, a apresentadora comenta notícias e assuntos que marcaram a semana numa live.

"O YouTube, como veículo, me dá muita agilidade. É completamente diferente de televisão. E esse é apenas o começo dessa minha entrada [na plataforma], de eu ter agora um canal pra chamar de meu", promete.

Antes de começar seu canal, Astrid assistiu a conteúdos de pessoas que estão produzindo para o YouTube há mais tempo, como a atriz Gwyneth Paltrow, a apresentadora Oprah Winfrey e até do influenciador Felipe Neto.

"Tem que ver, né?", brinca ela. "Mas eu queria fazer sem filtro. Deixa eu experimentar, a gente não sabe, eu sou outra pessoa chegando ali. Outra jornalista, outra comunicadora, não sou uma menina, não vou ficar lá gritando no YouTube. Tenho meu jeito e minha estrutura possível", comenta.

Assista ao teaser do Canal da Astrid:

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual é seu programa favorito gravado na quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook