EFEITO SIMBA

Record cresce 17% e SBT mantém audiência após retorno à TV paga

Reprodução/RecordTV

Reinaldo Gottino, Fabíola Reipert e Renato Lombardi: A Hora do Venenosa bateu o Vídeo Show - Reprodução/RecordTV

Reinaldo Gottino, Fabíola Reipert e Renato Lombardi: A Hora do Venenosa bateu o Vídeo Show

LUCIANO GUARALDO - Publicado em 27/09/2017, às 05h00

O retorno à TV paga fez bem para a audiência da Record: duas semanas após ter seu sinal de volta às operadoras, a emissora saltou de 4,5 pontos para 5,3 na Grande São Paulo, um crescimento de 17% na média diária. O SBT e a RedeTV!, por sua vez, subiram apenas um décimo: de 5,7 para 5,8 pontos e de 0,6 para 0,7, respectivamente.

Levantamento obtido pelo Notícias da TV mostra que, apesar de ver seus índices subirem rapidamente a partir do dia 11 de setembro (a primeira segunda-feira depois que a transmissão foi restabelecida), a Record ainda não recuperou a audiência que tinha antes do corte do sinal. A média da emissora em março era de 6,1 pontos ao longo das 24 horas do dia; ou seja, mesmo em alta, está 13% abaixo do que marcava.

O SBT, por outro lado, já superou os índices que registrava antes do apagão da Simba: a emissora de Silvio Santos tinha 5,5 pontos em março e retornou a essa média em junho, quando ainda estava fora da TV paga (agora, está em 5,8). Já a RedeTV! marcava 0,6 pontos em março, número que voltou a registrar em agosto.

O aumento relâmpago da Record foi impulsionado pela estreia do reality A Fazenda - Nova Chance, no dia 12. A transmissão do dia 19, por exemplo, marcou 10,4 pontos, um aumento de 120% em relação à média de 4,7 registrada por A Casa nas quatro últimas terças-feiras antes do retorno à TV paga.

Entre os programas que se mantiveram na grade, o Domingo Show foi o que mais cresceu: de 6,7 para 9,8, um aumento de 45%. Programa do Porchat (35%) e Legendários (32%) também apresentaram bons aumentos.

A edição vespertina do Balanço Geral, com Reinaldo Gottino, apresentou uma melhora de 17%. O quadro A Hora da Venenosa, com Fabíola Reipert, voltou a vencer o Vídeo Show, da Globo. Nas duas primeiras semanas de volta à TV por assinatura, a fofoqueira levou a melhor em oito dos dez embates _perdeu apenas às sextas.

Entre as redes que continuaram na TV paga, a volta dos concorrentes provocou uma pequena baixa no Ibope: a Globo caiu de 14,4 para 14,1 pontos; a Band perdeu um décimo, de 2,0 para 1,9; os canais pagos também desceram de 8,9 para 8,4.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

O Vídeo Show tem salvação?

Últimas notícias

Notícias da TV
Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook