Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

Opinião e poder

SBT manterá veto a comentários de Rachel Sheherazade até as eleições

Lourival Ribeiro/SBT

Rachel Sheherazade no estúdio do SBT Brasil; jornalista poderá voltar a emitir opinião após eleições - Lourival Ribeiro/SBT

Rachel Sheherazade no estúdio do SBT Brasil; jornalista poderá voltar a emitir opinião após eleições

PAULO PACHECO

Publicado em 16/7/2014 - 12h48
Atualizado em 17/7/2014 - 6h03

Rachel Sheherazade vai demorar mais três meses, no mínimo, para voltar a emitir opiniões no SBT. Nos bastidores da emissora, já é dado como certo que a jornalista terá novamente espaço para comentar no SBT Brasil somente a partir de outubro, após as eleições. A própria Rachel admite ao Notícias da TV que não terá tão cedo de volta a liberdade editorial prometida em maio, quando renovou contrato com a rede de Silvio Santos.

Com a decisão, o SBT evita pressão de políiticos e principalmente do governo federal, que investe cerca de R$ 150 milhões em publicidade por ano na emissora. Em abril, após reclamações de Brasília, a rede decidiu proibir seus jornalistas de emitirem opiniões nos telejornais.

A volta das opiniões, além de um aumento substancial de salário, foi o que motivou Sheherazade a preterir o assédio da Band e renovar com o SBT por mais quatro anos, em maio. Segundo um alto executivo da emissora, os comentários no SBT Brasil retornariam durante a Copa do Mundo. Ela poderia falar sobre política, mas de forma genérica, sem se referir a candidatos.

Durante o Mundial, Rachel Sheherazade não teve de volta seu espaço de opinião, mas emitiu pequenos comentários após as reportagens, os chamados "cacos". Depois da derrota do Brasil para a Alemanha por 7 a 1, no dia 8, fuzilou suscintamente: "O circo terminou".

Rachel Sheherazade revela que gostaria de opinar nas eleições, porém aguarda a decisão do SBT: "Gostaria de comentar sobre política e o processo eleitoral deste ano. Por enquanto, só me resta esperar que as janelas de opinião voltem ao telejornal, mas quem tem a palavra final, acredito, é o próprio Silvio Santos".

O SBT informa que Rachel Sheherazade voltará a opinar, porém a data ainda não foi definida.

Em fevereiro, Sheherazade virou notícia após justificar no SBT Brasil a atitude de um grupo que acorrentou um suposto assaltante no Rio de Janeiro. "Adote um bandido". A opinião chocou entidades defensoras dos direitos humanos e partidos políticos, que acusaram a jornalista de fazer apologia à violência e exigiram a saída dela do telejornal. Dois dias depois, ela explicou no ar que condena a violência e a "justiça com as próprias mãos".


​► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você acha que a Globo deu um tiro no pé em reprisar uma novela tão recente como A Força do Querer?