Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

PEDRO NEVILLE

Repórter da GloboNews que chorou pela mãe diz que emoção serviu de alerta

Reprodução/TV Globo

Pedro Neville de camisa azul clara em transmissão de vídeo no É de Casa, da Globo

Pedro Neville, repórter da GloboNews que chorou pela morte da mãe, disse alerta serviu como um serviço

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 26/12/2020 - 11h09

Pedro Neville, repórter da GloboNews que chorou pela morte da mãe, Lilian, vítima de Covid-19, disse que seu desabafo serviu como um alerta à população que não está levando tão a sério a pandemia do coronavírus. Em conversa no É de Casa, da Globo, neste sábado (26), o jornalista admitiu que pensou bastante antes de tocar no assunto pessoal durante a reportagem ao vivo.

Apresentador do matinal, Manoel Soares começou a entrevista perguntando sobre a repercussão do episódio. "Como você digeriu isso de dividir essa dor com todo mundo?", questionou.

Neville, então, explicou que achou um bom momento para falar sobre a sua perda, já que ele dava detalhes da morte de Nicette Bruno (1933–2020), que também perdeu a batalha pelo coronavírus.

"Não foi fácil, fiquei com a voz embargada e toda vez que a gente revê se emociona. Eu estava fazendo a cobertura da morte da Nicette, uma atriz carismática, querida, simpática. E a gente tinha a Nicette Bruno como aquela figurinha um pouco mãe, um pouco avó de todo mundo. Achei que era o momento de falar da minha mãe também. Recebi muito carinho dos amigos e acho que valeu a pena esse recado", declarou.

Pedro destacou que a sua mãe morreu há quase dois meses, e falar sobre o assunto foi uma novidade. "Ela se foi tem quase dois meses e eu nunca tinha comentado sobre isso na GloboNews. Achei que podia ser uma boa oportunidade, já que todo mundo estava sensibilizado naquele momento, para prestarem atenção sobre a doença", completou.

O repórter emocionou até a apresentadora Lilian Ribeiro no estúdio do telejornal: "A gente está acostumado a não misturar pessoal com trabalho, mas acho que ali era importante para que as pessoas refletissem. Não deixou de ser um serviço".

Caco Barcellos, que participava da conversa via transmissão de vídeo, também se comoveu com o relato do repórter e mandou um recado carinhoso. "Eu estava assistindo você ao vivo na GloboNews. Parabéns pela sua coragem em mostrar essa sua perda. E ficamos emocionados novamente vendo agora."


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Qual reality show você acompanhará após o fim do BBB21?