Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

FELIPE BRONZE

Record contrata chef fenômeno da TV paga para novo reality de culinária

DIVULGAÇÃO/GNT

O chef Felipe Bronze vai apresentar a versão brasileira de Top Chef: competição faz sucesso nos EUA - DIVULGAÇÃO/GNT

O chef Felipe Bronze vai apresentar a versão brasileira de Top Chef: competição faz sucesso nos EUA

GABRIEL SOUZA

Publicado em 25/10/2018 - 0h01

A Record contratou na tarde de quarta-feira (24) o chef de cozinha Felipe Bronze. Conhecido por seus realities no GNT, como Que Seja Doce e The Taste Brasil, ele será o principal rosto da aposta da emissora para as noites de terça e quinta-feira no primeiro trimestre de 2019. A rede adquiriu Top Chef, formato que está no ar há 16 temporadas nos Estados Unidos.

A principal diferença do Top Chef para o MasterChef é que o formato a ser produzido pela Record envolve somente cozinheiros profissionais. Além disso, investe na convivência entre os participantes. Eles ficam confinados em uma casa e são privados de informações exteriores, como acontece em Big Brother e em A Fazenda.

O reality que será apresentado pelo chef fenômeno da TV paga será a terceira competição de culinária produzida pela Record. As duas primeiras empreitadas da emissora no gênero foram apresentadas pelo confeiteiro Buddy Valastro.

O Batalha dos Confeiteiros, que promovia uma competição entre doceiros amadores, teve duas temporadas, em 2015 e em 2018. Já o Batalha dos Cozinheiros, um genérico do MasterChef, não passou da primeira edição, feita em 2016. Apenas a primeira temporada da competição de doces foi vice-líder no Ibope. 

No ar desde 2006 nos Estados Unidos, a edição americana do Top Chef deu US$ 125 mil de prêmio ao vencedor da 15ª temporada, o equivalente a R$ 467 mil. É a maior premiação de todas as competições de culinária da televisão.

O Top Chef brasileiro contará com mais dois chefs, que farão parte do júri da atração com Felipe Bronze, que, além de ser jurado, apresentará o formato. A Record, porém, ainda não bateu o martelo sobre quem serão esses dois nomes.

Com o novo programa, sobe para dez o número de realities de culinária exibidos apenas na TV aberta nos últimos quatro anos.

O boom do gênero começou com o sucesso do MasterChef, da Band, em 2014. Teve tanta repercussão que ganhou mais duas versões, batizadas de MasterChef Profissionais e MasterChef Júnior. Para 2019, é cogitada a produção de uma versão com as estrelas das temporadas anteriores.

Leia também

Web Stories

+
Power Couple Brasil 5 aposta em casais polêmicos e promete barraco e confusãoPereirão, Lurdes e Edilásia Sardinha: veja 7 mães marcantes das novelas brasileirasCaso Evandro e A Mulher na Janela chegam aos streamings; saiba maisPróximos filmes da Marvel têm Pantera Negra e Os Eternos; confira lista completaAplauso final: Despedida de Paulo Gustavo abala família, amigos e fãs

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você gostou dos casais do Power Couple Brasil 5?