Sem regalias

Produção de A Fazenda regula roupa, chocolate e até remédio para participantes

Fotos: Antonio Chahestian/RecordTV

Monique Amin e Flávia Viana fizeram brigadeiro em A Fazenda; produção não dá chocolate - Fotos: Antonio Chahestian/RecordTV

Monique Amin e Flávia Viana fizeram brigadeiro em A Fazenda; produção não dá chocolate

FERNANDA LOPES - Publicado em 27/10/2017, às 05h33

Apesar de contarem com piscina, jacuzzi e uma grande área verde, os participantes de A Fazenda não têm direito a roupas extras e chocolate, os itens que eles mais pedem à produção. A direção do reality show regula até remédios. Somente aquilo que avalia como "extremamente pertinente" é atendido. O objetivo é dificultar o confinamento e criar tensão.

Dentro da oficina de A Fazenda, em Itapecerica da Serra (Grande SP), há uma câmera específica para que os participantes falem com quem controla o reality. Se precisam de alguma coisa, eles vão até lá, olham para a máquina e uma luz vermelha se acende, como resposta de que a produção está ouvindo. Mas a luz logo é apagada quando a equipe percebe que os fazendeiros só querem um "capricho".

"Tem apoio para os participantes, mas só no caso de eles pedirem e a gente achar que precisam. Podem falar: 'Estou com dor de barriga, gostaria de ser atendido', por exemplo. Se a gente sente que é um pedido pertinente, a pessoa é atendida, se não, não", explica Rodrigo Carelli, diretor do núcleo de reality shows da Record.

 "Às vezes eles pedem coisa nada ver. 'Gosto tanto do chocolate Talento', por exemplo. Quando a gente percebe que é uma bobagem, a luz vermelha apaga na cara deles, não tem o que fazer. Acontece muito de falarem: 'Na minha mala não veio minha camiseta vermelha que eu tinha posto lá'. Aí não atendemos e, duas horas, depois eles acham", diz Fernando Viudez, diretor do programa.

Em relação à saúde, pedidos de comprimidos para dor de cabeça costumam ser ignorados, mas uma equipe que pode intervir em casos mais sérios. "Marcelo Ié Ié ficou indisposto com alguma coisa que comeu. Ele pediu um remédio [e demos], tomou um Luftal [medicamento para gases]", conta Viudez.

Veja outras curiosidades dos bastidores de A Fazenda – Nova Chance:

Roberto Justus em um dos cenários externos de A Fazenda, que fica em Itapecerica da Serra

Adeus, Itu
Como A Fazenda não teve uma edição em 2016, a Record queria que o projeto voltasse com novidades. Uma delas foi a nova sede _o programa deixou a área rural de Itu e passou a ser transmitido de uma estrutura construída do zero em Itapecerica da Serra.

Com a mudança, a equipe planejou onde ficariam as 50 câmeras do programa, para captar imagens de ângulos específicos. "A gente fez tudo otimizado de forma a conseguir movimentação melhor, colocar câmera onde queremos. Toda a área foi muito pensada e preparada para que o programa fluísse da melhor forma possível", diz Rodrigo Carelli.

A participante Flávia Vianna aproveita a cozinha da nova sede de A Fazenda - Nova Chance

De acampamento infantil a reality

Antes de abrigar os participantes, além de animais, um campo de provas, salas de reunião e ilhas de edição, o local da sede de A Fazenda costumava ser um acampamento infantil. A área em que fica a casa era um campo de futebol, e a parte externa onde ficam os bichos era outro. Já o setor onde a equipe faz a edição de todos os vídeos era uma quadra de tênis. Toda essa nova estrutura foi construída em apenas três meses.

Roberto Justus no palco de onde comanda as votações e grava cabeças para o reality show

Expediente de Justus
Ao contrário de Tiago Leifert, que vai todo dia aos Estúdios Globo, no Rio de Janeiro, durante o período de Big Brother para apresentar o programa e falar com os participantes, Roberto Justus só comparece na Fazenda três dias da semana, às segundas, terças e quintas. No último, ele aproveita para gravar todas as introduções das edições dos fins de semana, e só termina o trabalho por volta de 3h da manhã. "Morto, exausto", comenta.

O apresentador tem em seu camarim duas televisões sintonizadas no reality, mas diz que prefere não assistir em tempo real porque gosta de saber do que aconteceu no dia junto com o público ou pouco antes de o programa ir ao ar.

A participante Ana Paula Minerato, acusada por telespectadores de ter celular na casa

Sem celular
Uma das teorias conspiratórias mais bizarras dessa edição é a de que Ana Paula Minerato estaria com um celular dentro da casa (um fã captou uma imagem da TV em que ela parece ter algo brilhante em mãos). Roberto Justus desmente esse boato: "É até divertido ouvir, porque é algo muito absurdo, fora de propósito". Até porque não há sinal de celular nos arredores da casa, como constatou o Notícias da TV durante visita ao local na última terça-feira (24).

Funcionários na ilha de edição de A Fazenda controlam todas as câmeras do reality show

200 fazendeiros
Cerca de 200 pessoas trabalham diretamente na realização de A Fazenda, entre diretores, produtores, câmeras, auxiliares e editores. As equipes se revezam em turnos, 24 horas por dia. "A gente faz uma reunião de pauta no começo da tarde. Algumas coisas podem mudar, mas a gente tem uma ideia com o que tem de material até esse momento. Vamos amarrando tudo para tudo ficar pronto, é uma dinâmica meio impressionante", diz Carelli. 

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual é seu programa favorito gravado na quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook