BIQUÍNI CAVADÃO

Por ibope, Globo da Bahia transforma almoço de Natal em desfile de bundas

Reprodução/Rede Bahia

A repórter Adriana Oliveira (no telão) conversa com o âncora Ricardo Ishmael direto da praia do Cantagalo, em Salvador, para o Bahia Meio Dia

A repórter Adriana Oliveira (no telão) conversa com o âncora Ricardo Ishmael direto da praia

REDAÇÃO - Publicado em 25/12/2019, às 16h49

Uma das praças em que a Globo mais sofre com a audiência, Salvador virou palco para cenas bizarras em pleno Natal. Durante o Bahia Meio Dia, telejornal do almoço da Rede Bahia, foi exibido um festival de bundas para todos os gostos. Os closes indiscretos nas mulheres de biquíni pareciam referenciar a Banheira do Gugu ou o Carnaval da RedeTV!.

As cenas aconteceram durante um link da repórter Adriana Oliveira para o programa. Direto da praia do Cantagalo, na capital baiana, ela entrevistou a população que foi curtir o pós-ceia em plena areia e os ambulantes do local. E também mostrou a apresentação do grupo de samba e pagode Muleke Desejo.

A roda de música logo foi tomada por curiosos, inclusive por aqueles que desejavam aparecer. Foi a deixa para mulheres em trajes íntimos rebolarem ao som de versos como "Eu quero saber o tamanho do bumbum dela" e "Focalize o bumbum! Remexe aí! Quero ver o bumbum!".

Adriana foi atrás das mulheres que estavam tranquilas em suas cadeiras de praia e as tirou para dançar também. "Mulher de coragem, é bom assim", elogiou a repórter. "Essa é a alegria do Cantagalo!"

Confira o momento em que a câmera do Bahia Meio Dia decidiu focar apenas no bumbum de uma jovem que estava curtindo a festa na praia:

As entradas ao vivo de Adriana na praia soteropolitana totalizaram mais de 13 minutos do Bahia Meio Dia (confira aqui no Globoplay). Eclético, o telejornal mostrou na sequência uma entrevista com religiosos que falaram sobre o espírito natalino e casos policiais, como assalto a uma sorveteria e prisão de traficantes.

Histórico apelativo

Não é a primeira vez que a Rede Bahia foge do chamado "padrão Globo de qualidade" para subir na audiência. Em fevereiro do ano passado, chegou a mostrar um cadáver a céu aberto durante seu jornal matinal, às 6h49. Na época, a emissora justificou que aquilo foi um erro de enquadramento.

Em junho de 2018, dedicou cinco minutos do Jornal da Manhã a uma suposta queda de aeronave no mar. Entrevistou um popular que alegava ter visto o avião cair. Só que a notícia era falsa. A Rede Bahia não desmentiu as informações durante o noticiário. Isso apesar de a repórter Andréa Silva prometer que voltaria ao longo da edição com mais informações --ela não voltou mais ao programa daquele dia.

Tudo sobre

Globo

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Na casa de que famoso você passaria a quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook