Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

Show dos Famosos

No Domingão do Faustão, Sandra de Sá chora e fala de injustiça a sambista

Reprodução/TV Globo

Sandra de Sá caracterizada como Jamelão na edição deste domingo (22) do Show dos Famosos - Reprodução/TV Globo

Sandra de Sá caracterizada como Jamelão na edição deste domingo (22) do Show dos Famosos

REDAÇÃO

Publicado em 22/4/2018 - 21h02

Sandra de Sá se emocionou após homenagear o sambista Jamelão (1913-2008) no palco do Domingão do Faustão neste domingo (22). A cantora, que entoou Exaltação à Mangueira, mal conseguiu responder às perguntas do apresentador no quadro Show dos Famosos. Apesar dos elogios, ela não levou nenhuma nota máxima.

O júri formado por Miguel Falabella, Claudia Raia e Boninho estava especialmente exigente nesta edição da atração e não deu nenhuma nota dez para os artistas. Terceira a se apresentar, Sandra de Sá chorou ao ser perguntada por Faustão sobre seu homenageado.

"Estou procurando homenagear pessoas que o Brasil ficou devendo muito pra essas pessoas. Jamelão era só ele, cara", disse ela, depois de algumas lágrimas. "Ele gravou muita coisa linda. Espero que ele esteja para voltar para ter esse reconhecimento", completou.

A emoção se estendeu aos jurados. "Fiquei profundamente emocionado. Você disse uma coisa que eu estava pensando: o quanto esse país se perdeu, perdeu suas referências. Jamelão cantava com a alma", opinou Falabella, antes de dar 9.9. Claudia Raia e Boninho deram 9.8 e 9.9, respectivamente.

reprodução/tv globo

Silvero Pereira foi destaque do programa com sua interpretação de Fraddie Mercury

O outro destaque da noite ficou com Silvero Pereira, que surgiu irreconhecível na pele de Freddie Mercury (1946-1991) para cantar I Want to Break Free, clássico da banda Queen. "Uma pessoa, num meio totalmente heteronormativo, ser homossexual, soropositivo, e defender a liberdade de ser quem quiser", definiu o ator ao final da apresentação, que resultou na liderança da disputa.

"Pas-sa-da! A caracterização foi espetacular. Você veio com uma força, com toda a história. Você está fazendo a maior voz que o mundo já viu. Você trouxe tudo dele, a masculinidade dele. Você me atordoou", elogiou Raia. Apesar do entusiasmo, a nota foi 9.9. "Além de um ícone gay, é um cara que cantou pelo direito de cada um ser o que quer ser", completou Falabella, que deu 9.9. Boninho avaliou a performance com um 9.9.

Mais mornas, as outras apresentações foram de Helga Nemeczyk, como Madonna, e Paulo Ricardo, que não chegou nem perto do gingado do porto-riquenho Luis Fonsi, dono do hit Despacito.

Na primeira parte do programa, parte do elenco de O Outro Lado do Paraíso participou do Ding Dong. Tainá Müller, que interpreta a Aura, fez dupla com Thiago Tomé, o Radu. Priscila Assun e Bruno Montaleone, a Desireé e o Johnny, também disputaram o game.

Elba Ramalho abriu o time dos cantores que participaram do quadro, seguida pela banda Natiruts, pelo intérprete Pretinho da Serrinha _que fez um tributo a Ivone Lara_, pelo funkeiro MC Fioti e pela dupla sertaneja César Menotti e Fabiano.

Leia também

Enquete

Qual o personagem mais chato de Pantanal?

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.