Plantão

Globo suspende programas para cobrir greve e retoma liderança

Reprodução/TV Globo

Carlos Tramontina entra em plantão da Globo no lugar do Vídeo Show, nesta quarta-feira (21) - Reprodução/TV Globo

Carlos Tramontina entra em plantão da Globo no lugar do Vídeo Show, nesta quarta-feira (21)

PAULO PACHECO - Publicado em 21/05/2014, às 14h36 - Atualizado às 19h50

[Texto atualizado às 19h50 de 21/5/2014]

A Globo suspendeu a programação do início da tarde desta quarta-feira (21) para noticiar sobre a greve de ônibus em São Paulo. A emissora interrompeu o Vídeo Show e suspendeu a Sessão da Tarde para colocar no ar uma "cobertura especial greve dos ônibus". Um matéria sobre os bastidores da Globo foi cortada no meio, às 14h06.

Com isso, a emissora, que perdia para a Record por 9 pontos a 8, voltou a liderar sete minutos depois. O "plantão" da Globo durou quase duas horas. Terminou às 16h04. Também ocupou o horário da Sessão da Tarde. Segundo dados preliminares, marcou 8,7 pontos na Grande SP, contra 6,6 da Record.

Ancorada pelo jornalista Carlos Tramontina, a emissora mostrou repórteres ao vivo das principais avenidas e dos terminais de ônibus vazios. Algumas transmissões foram feitas pela internet. Reportagens exibidas duas horas antes no SP TV e dos telejornais da manhã foram reprisadas.

A Globo sacrificou outros programas para cobrir a greve de ônibus. Pela manhã, Encontro com Fátima Bernardes perdeu 15 minutos para o SP TV 1ª Edição entrar mais cedo. O Globo Esporte SP foi ocupado em sua maior parte pela cobertura da paralisação, inclusive com a participação da apresentadora interina do SP TV, Glória Vanique, e do âncora do Jornal Hoje, Evaristo Costa.

O plantão terminou às 16h04. Na sequência, as novelas Caras & Bocas, Malhação e Meu Pedacinho de Chão foram antecipadas e encurtadas. O telejornal SP TV 2ª Edição começou 30 minutos mais cedo, às 18h40 e terminou às 19h45.

A Record não suspendeu a programação, mas o Hoje Em Dia foi quase todo dedicado à greve. O Programa da Tarde também exibiu links ao vivo de repórteres em cobertura da paralisação, que afeta quase 2 milhões de pessoas.

A decisão da Globo de transmitir um acontecimento relevante ao vivo acabou servindo como uma estratégia de guerrilha de programação. Com a greve, a Globo impediu mais uma derrota da faixa do Vídeo Show para a Record.

LEIA TAMBÉM:

Desesperada, Record procura novos quadros para salvar Sabrina Sato

Globo se 'esquece' de cicatriz de Gianecchini, e novela tem correria

Mimada, Luiza entra para a lista das mais chatas de Manoel Carlos

Milton Neves faz 'merchandising' grátis de entretenimento adulto

De visual novo, Vanessa Giácomo grava cenas de Falso Brilhante

Globo confirma: Cobras & Lagartos será reprisada no Vale a Pena


​► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Você vai acompanhar Salve-se Quem Puder?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook