Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

Memória da TV

Fenômeno em 1991, exibição de Carrossel foi obra do 'faro' de Silvio Santos

Divulgação/SBT

Silvio Santos recebe em seu programa a atriz Gabriela Rivero, a professora Helena - Divulgação/SBT

Silvio Santos recebe em seu programa a atriz Gabriela Rivero, a professora Helena

THELL DE CASTRO

Publicado em 29/11/2015 - 9h20

Assim como aconteceu recentemente com Os Dez Mandamentos, da Record, a Globo sofreu nas mãos das concorrentes há 25 anos. Primeiro com Pantanal, da Manchete, em 1990. Depois, no ano seguinte, com a mexicana Carrossel, no SBT. A trama mexicana infantil fez um enorme sucesso, mas sua exibição foi obra do acaso _ou melhor, foi obra do "faro" de Silvio Santos.

A produção não era a novela programada para a época em que estreou. Silvio Santos, no entanto, assistiu a um capítulo da novela numa de suas costumeiras viagens aos Estados Unidos e gostou. E mudou a história. Pelos planos iniciais de Guilherme Stoliar, então executivo do SBT e atual presidente do Grupo Silvio Santos, Carrossel não seria levada ao ar imediatamente após ter sido adquirida, por US$ 10 mil o capítulo _muito pouco se comparado ao que se investe para se fazer um capítulo de novela no Brasil, acima de R$ 400 mil.

A prioridade seria dada a outras atrações compradas da Televisa. A trama infantil veio em um pacote com outras três novelas. Mas apenas Carrossel e Rosa Selvagem (que era exibida em seguida e também dava bom Ibope) estavam disponíveis imediatamente, e a Televisa as enviou na frente.

De acordo com a revista Veja de 12 de junho de 1991, dias antes da estreia de Carrossel, Silvio Santos estava aceitando apostas de US$ 100 mil contra quem duvidasse que a média da audiência passaria da marca dos dez pontos _a trama passou dos 20.

DIVULGAÇÃO/TELEVISA

O elenco da versão original de Carrossel, novela da Televisa que incomodou a Globo em 1991

Concorrência

Carrossel estreou no SBT no mesmo dia que O Dono do Mundo iniciou sua trajetória na Globo: 20 de maio de 1991. A novela de Gilberto Braga, que trazia a sofredora Márcia (Malu Mader) sendo enganada pelo vilão Felipe Barreto (Antônio Fagundes) não engrenou, e as crianças tomaram conta do controle remoto para ver Carrossel.

"Entre assistir às novelas da Globo, que exploram cenas de sexo, algumas constrangedoras, e Carrossel, admitamos que a segunda opção é um mal menor”", afirmou Silvio Santos à reportagem da Veja.

Carrossel incomodou o Jornal Nacional, na época um campeão imbatível. Antes da estreia, o telejornal tinha 54 pontos, contra apenas 6 do SBT. Após o início da novela, a audiência da Globo caiu para 41, contra 21 do SBT.

De acordo com a Veja, que ouviu especialistas, a novela infantil caiu no gosto popular pelos seguintes pontos: era uma produção para crianças, interpretadas por crianças; era um programa infantil mesmo, com diálogo direto ao ponto e caráter de cada personagem bem definido; uma trama ágil, que não se arrastava por meses; abordava os problemas do dia a dia de todo o público; e, apesar de ser destinada ao público mirim, também cativava os adultos, já que eles podiam se identificar com as situações mostradas.

O SBT fez uma versão nacional de Carrossel em 2012. Não chegou a incomodar a liderança da Globo, mas obteve boa audiência, quase sempre na casa dos dois dígitos. A trama, inclusive, está sendo reprisada atualmente pela emissora, após Cúmplices de um Resgate.


THELL DE CASTRO é jornalista, editor do site TV História e autor do livro Dicionário da Televisão Brasileira (Editora InHouse). Siga no Twitter: @thelldecastro


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também

Enquete

Você gostou dos primeiros capítulos de Verdades Secretas 2?

Web Stories

+
Cinco casais que se formaram no Casamento às Cegas Brasil e você não sabiaElenco de Verdades Secretas 2: Conheça os novos personagens da novelaOutubro Rosa: Conheça cinco famosas que venceram o câncer de mamaAlém de José de Abreu: Sete atores brasileiros que se aventuraram na políticaApós derrota em eleição, Victor Pecoraro perde mais uma votação e deixa A Fazenda 13

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas