NATY GRACIANO

Ex-repórter do CQC vira carrasca em reality de Juju Salimeni: 'Botei ordem'

DIVULGAÇÃO/E! ENTERTAINMENT

Vestidas com roupas militares, Juju Salimeni e Naty Graciano posam em imagem do reality Juju Boot Camp

Juju Salimeni (à esq.) e Naty Graciano são parceiras no reality Juju Boot Camp, que estreia segunda (2)

VINÍCIUS ANDRADE - Publicado em 29/02/2020, às 04h59

Fora da TV desde fevereiro de 2015, quando foi dispensada da equipe de repórteres do CQC (2008-2015), Naty Graciano estreia segunda-feira (2) como uma das assistentes de Juju Salimeni no reality Juju Boot Camp, do canal E!. Ela tem uma missão de carrasca, precisa colocar na linha as 24 candidatas ao posto de musa fitness.

"A Juju falava que não queria ser muito rude, então quem faz esse papel sou eu. Alguém tinha que botar ordem. Imagina só esse tanto de meninas juntas, era um caos", revela Naty Graciano ao Notícias da TV.

A ex-repórter do CQC mudou completamente de vida ao deixar a Band. Após fazer entrevistas de emprego em várias emissoras, ouvir "não" de Globo e SBT e recusar uma proposta da RedeTV!, ela abriu uma academia de crossfit em maio de 2015.

"Na televisão, você fica nessa de esperar alguém te contratar, então eu decidi abrir meu próprio negócio, investir nisso. Eu já alimentava um canal no YouTube sobre crossfit, mas na época não tinha muitos praticantes no Brasil, era novo. Aí eu decidi abrir e me envolvi muito nisso, me apaixonei pela modalidade", explica.

Atualmente, Naty tem duas academias de crossfit em Sorocaba, no interior de São Paulo: "Eu me tornei uma das principais influenciadoras de crossfit do Brasil, então hoje sou uma das pessoas com maior destaque sobre isso, com patrocínios de várias marcas importantes. Minha vida é totalmente disso hoje em dia".

"Eu continuei fazendo vídeos, mas sempre relacionados ao esporte, me tornei apresentadora de eventos de crossfit, me abriu um outro horizonte na carreira que eu não esperava", confessa a musa crossfiteira.

Com saudades de trabalhar na TV, ela explica que o lado empresária e a formação como atriz foram ideais para o Juju Boot Camp. O convite para integrar a equipe do reality partiu da própria equipe do canal E!. "Desde quando a produção conversou comigo, isso [de ser carrasca] ficou bem definido. Eu também sou atriz, então ajuda bastante. Mas eu sou pessoa mais dura mesmo", admite.

"Imagina, eu sou dona de academia, então eu boto ordem no barraco mesmo. Tem funcionário, tem um monte de aluno lá. Apesar de ser do entretenimento, de gravar vídeo, eu sou rigorosa com as minhas coisas. É um pouco do que eu sou, mas no reality é entretenimento e tem essa vibe rigorosa", explica.

Veja abaixo um vídeo em que Naty explica sua função no Juju Boot Camp:

Juju Boot Camp

A estreia do reality, às 22h de segunda, terá a exibição de dois episódios. O programa começará com a apresentação das 24 candidatas ao posto de musa fitness. O time variado tem desde integrante da Brigada Militar do Rio Grande do Sul até uma jogadora de futebol do Corinthians.

A escolha das finalistas foi feita pela produção do E! após mais de 2 mil inscrições no site do canal. Com 13 episódios, a atração de competição colocará as participantes para enfrentarem testes eliminatórios baseados em desafios físicos.

Em clima de circuito militar, apenas três mulheres chegarão à final para uma delas conquistar o título de nova musa fitness do Brasil. No episódio de estreia, 12 já serão eliminadas. Apesar das broncas, Naty Graciano acredita que é uma "carrasca de coração bom" e também sentiu ao ter que chamar a atenção das candidatas.

"Tive que dar uma bronca em uma das participantes, uma menina que eu gosto muito, mas dei uma bronca porque em uma das provas parecia que ela não estava se dedicando 100%, estava dando 'miguézão' [corpo mole]. Aquilo me doeu, mas eu vi ali que ela não estava se dedicando. Foi difícil falar que ela não estava se dedicando, foi bem difícil", revela Naty.

A própria Juju Salimeni confessa que não sabe dar broncas e que precisou que a assistente assumisse esse papel: "A Naty tem uma postura muito forte que eu, como sou mole, não consigo ter. A Naty me ajudou muito nisso. Ela colocava ordem no negócio. Não sirvo para isso, não consigo. Sou muito bobona. A Naty fez esse papel de firmeza. Jamais com grosseria ou tratando mal, isso de forma nenhuma".

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Na casa de que famoso você passaria a quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook