Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

'Fingi que acabou o som'

'Deu uma pane e eu mastiguei; não enganei as pessoas', diz Boris Casoy

Divulgação/Band

O jornalista Boris Casoy no estúdio do Jornal da Noite, que apresenta nas madrugadas da Band - Divulgação/Band

O jornalista Boris Casoy no estúdio do Jornal da Noite, que apresenta nas madrugadas da Band

DANIEL CASTRO

Publicado em 11/4/2014 - 17h26

Um dos jornalistas mais experientes da TV brasileira, Boris Casoy se viu em uma saia justa na madrugada da última quinta-feira (10). Uma "pane generalizada" no software que controla os telejornais da Band derrubou toda a comunicação no estúdio em que apresentava, ao vivo, o Jornal da Noite. Sem saber o que fazer, Casoy teve uma ideia original: fingiu falar, simulando uma falha em seu microfone, para que os técnicos da emissora o tirassem do ar. O vídeo com Casoy "mastigando" no ar foi parar na web e virou um dos assuntos mais comentados.

Na hora da pane, Casoy deveria ler uma passagem, texto que introduz uma notícia que será apresentada integralmente no bloco seguinte. O "vem aí" seria sobre o desaparecimento do avião da Malaysia Airlines. Por causa da pane, no entanto, Casoy não sabia o que fazer.

O Notícias da TV ouviu Casoy. Ele conta o que aconteceu:

"Quando você começa a fazer um jornal, você tem um tempo, um relógio que mostra quanto tempo você já fez e quanto tempo falta para acabar. De repente, o tempo enlouqueceu e o meu som no estúdio desligou. O TP [teleprompter, aparelho que projeta o texto a ser lido] estava funcionando, mas não mostrou o que eu tinha que falar. Alguém no estúdio falou que iam ter que mudar a passagem. Então eu sabia que o que tinha na mão [folha de papel] não valia mais".

"Deu uma pane generalizada, uma pane grave. Eu não tinha o que falar e abriram [as câmeras] para mim. Estava tudo muito confuso, eu não sabia o que falar, estava um vendaval na técnica. Então eu mastiguei para eles cortarem, pensarem que meu microfone não estava funcionando. Na hora, me veio esse recurso de mastigar. Não foi uma gafe, foi de propósito. Eu não enganei as pessoas, porque não menti, enganei a técnica".

A falta de som no estúdio, portanto, justifica o vazamento de uma frase de Casoy ("Fingi que acabou o som"). Segundo o âncora, o telejornal acabou sendo encurtado, porque foram previstas mais reportagens do que cabiam nele. Houve tempo apenas para ler as manchetes dos principais jornais impressos do país e a notícia sobre o voo da Malaysia Airlines.

Casoy conta que só recebeu cumprimentos da Band pela solução encontrada em uma situação de emergência. Alguns disseram que a saída foi "genial".

Veja uma gravação caseira da saia justa vivida por Boris Casoy:

LEIA TAMBÉM:

No mês de estreia, Danilo Gentili derrota Jô Soares, e SBT cresce 30%

Ailton Graça troca 'Capitão Nascimento' pelo gay Xana Summers  

Após vazar piloto, Fantástico denuncia hackers neste domingo

'Zé Mayer' atual, Cauã Reymond é razão de ser de nova série da Globo

Silvio joga praga em César Filho: 'Se voltar à Globo, morre no outro dia'

Preta Gil rejeita desculpas e flores do Pânico e ameaça processar Band

Record investe R$ 500 milhões, mas dramaturgia volta à estaca zero

Samara Felipo fica sarada sem glúten e tira a roupa para Cauã


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

TUDO SOBRE

Band

Boris Casoy


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você já tem seu favorito em A Fazenda 12?