Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

NOS EUA

Apresentadora negra é chamada de macaca e recebe ameaça de morte

Reprodução/Fox News

A âncora Eboni K. Williams em vídeo no qual criticou Donald Trump, na última segunda (14) - Reprodução/Fox News

A âncora Eboni K. Williams em vídeo no qual criticou Donald Trump, na última segunda (14)

REDAÇÃO

Publicado em 17/8/2017 - 15h12

A apresentadora Eboni K. Williams, 33 anos, foi xingada de "macaca suja" e recebeu ameaças de morte após criticar o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, em um programa da Fox News, rede norte-americana conservadora. No ar, ela chamou Trump de "covarde" e "irresponsável" por ter sido omisso no conflito entre supremacistas brancos e manifestantes antirracistas, ocorrido no último final de semana.

Eboni contou à revista Variety que recebeu 150 e-mails, todos agressivos, desde sua participação no programa The Fox News Specialists, na última segunda (14).

"[Dizem coisas do tipo]: 'Você vai conhecer seu Criador logo, logo', 'Você não deve andar sozinha pelas ruas de Nova York'", contou Eboni. "Descobriram que eu moro no Harlem e me alertaram para tomar cuidado", completou

No programa, Eboni foi contrária ao posicionamento de Trump, que atribuiu a "ambos os lados" a responsabilidade pelo embate que causou a morte de três pessoas em Charlottesville (Virgínia). Ela também acusou a base de eleitores do presidente de ser racista. Para ela, esse aspecto levou Trump a não falar o que o acontecimento realmente foi: "um ataque terrorista doméstico anti-americano".

O detalhe é que a maioria da audiência da Fox News é composta por eleitores de Trump, e o canal é conhecido por defendê-lo.

Os telespectadores fiéis ao presidente foram as redes sociais pedir a demissão da apresentadora, que é advogada e analista política (e negra). Nos comentários mais pesados, internautas chamaram Eboni de "macaca", "vaca" e "bimbo" (ofensa em inglês que significa "mulher atraente, mas estúpida").

Depois dessas ameaças, Eboni pediu à direção do canal a contratação de seguranças para acompanhá-la no trajeto casa-trabalho, e foi atendida. "Eu estou na Fox News há cinco anos e nunca recebi respostas tão negativas como a desses últimos dias", desabafou em entrevista ao jornal The New York Times.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?

Muito bom, tem todo o conteúdo que os fãs da Disney amam.
19.71%
O catálogo é bom, mas há falhas e problemas no aplicativo.
8.46%
Não gostei, o conteúdo não me interessou.
17.51%
Não assinei, achei o preço muito alto.
54.32%