Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

PROGRAMA CANCELADO

Angélica chora com o fim do Estrelas: 'Não é um adeus, é um até breve'

DIVULGAÇÃO/TV GLOBO

Angélica se emocionou ao se despedir do Estrelas, que teve sua última edição exibida no sábado (28) - DIVULGAÇÃO/TV GLOBO

Angélica se emocionou ao se despedir do Estrelas, que teve sua última edição exibida no sábado (28)

REDAÇÃO

Publicado em 28/4/2018 - 16h13

Após 12 anos no ar, Angélica se despediu do Estrelas na tarde de sábado (28). A apresentadora encerrou o programa agradecendo à Globo e avisou que irá retornar à grade, sem dar muitos detalhes: "Não é um adeus, é um até logo". A emissora, no entanto, não tem nenhum projeto confirmado para ela. A partir da próxima semana, o horário será ocupado por As Matrioskas, série apresentada por Glenda Koslowski, um dos projetos especiais para a Copa do Mundo.

Em sua despedida, Angélica recebeu a apresentadora Fátima Bernardes e a atriz Lília Cabral. Elas visitaram pontos turísticos do Rio de Janeiro, como a Confeitaria Colombo e o hotel Copacabana Palace, e relembraram momentos marcantes do programa e alguns dos artistas entrevistados ao longo dos 12 anos.

O Estrelas deixa a programação da Globo em meio a uma crise de audiência: apesar de não ser mais ameaçado pela Record, que trocou as reprises de Pica-Pau pelo Balanço Geral, seguiu sendo a menor audiência das tardes da emissora, com menos ibope até do que a reprise de Sai de Baixo, que o antecedia.

Para tentar conter a perda de público, o programa de Angélica teve o formato reformulado e o nome alterado por duas vezes em um ano. Em abril de 2017, passou a ser chamado de Estrelas Solidárias e tentou surfar na onda do assistencialismo. Angélica e seus convidados viajaram pelo país para ajudar necessitados e instituições de caridade.

Sem sucesso, mudou de novo em agosto, para Estrelas do Brasil. Em seu último formato, levava artistas para sua terra natal, relembrando suas trajetórias.

Por enquanto, Angélica não tem destino na Globo. Em entrevista à colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo, ela disse que tem trabalhado na criação de um novo programa junto com a equipe do diretor Ricardo Waddington, mas não há detalhes sobre formato e previsão de estreia.

Em novembro de 2017, a mulher de Luciano Huck voltou a apresentar o Vídeo Game, competição entre famosos que havia sido cancelada em 2011 após dez anos no ar. Anunciado pela Globo como edição especial, o quadro do Vídeo Show ficou apenas três semanas no ar e fez a audiência do programa cair 8%.

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou do Disney+?