Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

JAVICIA LESLIE

TV dos EUA escala nova Batwoman, e Ruby Rose aprova: 'Mal posso esperar'

Fotos: Divulgação/The CW

Montagem com fotos de Javicia Leslie e Ruby Rose

Javicia Leslie (à esq.) será a nova Batwoman da TV; a anterior, Ruby Rose, aprovou sua substituta

LUCIANO GUARALDO

luciano@noticiasdatv.com

Publicado em 8/7/2020 - 23h18

Menos de dois meses depois de Ruby Rose pedir demissão de Batwoman, os produtores da série encontraram uma substituta para o papel da heroína. Javicia Leslie, de God Friended Me (2018-2020), vai ser a nova estrela da atração. E Ruby deixou claro para os fãs que aprovou a escolha. "Mal posso esperar para ver a segunda temporada", escreveu.

"Meu Deus! Isso é incrível! Eu estou tão feliz que a Batwoman vai ser interpretada por uma negra maravilhosa! Eu quero parabenizar Javicia Leslie por assumir a bat-capa. Você está se juntando a um elenco e uma equipe incríveis", disse Ruby no Instagram.

Os elogios feitos pela atriz e DJ australiana contrariam boatos de que ela e a equipe de Batwoman teriam se estranhado nos bastidores, o que motivou sua saída da série após uma única temporada. Segundo o site TV Line, ela estava descontente com o ritmo puxado de gravações, não fazia a menor questão de esconder isso dos colegas e ficou com fama de insuportável. Ou seja, saiu sem deixar saudades.

Quando Ruby anunciou que estava pedindo demissão, os produtores de Batwoman deixaram claro que gostariam que uma atriz da comunidade LGBTQ+ assumisse o papel, e Javicia fez questão de ressaltar que está no grupo ao celebrar sua escalação. "Como uma mulher bissexual, eu estou honrada em me juntar a essa série inovadora, que destruiu barreiras para a comunidade", elogiou.

Com a troca de intérpretes, a equipe também decidiu substituir a identidade secreta da heroína. Ou seja, nos novos episódios a Batwoman não será mais Kate Kane, prima de Bruce Wayne (o Batman) que começa a usar parte do legado do parente bilionário para combater o crime.

Agora, a mulher por trás do bat-capuz será Ryan Wilder, uma personagem "completamente diferente de Kate", segundo a descrição oficial. "Ela é bagunceira, adorável, um pouco atrapalhada e indomada. Sem ninguém em sua vida para mantê-la nos eixos, Ryan passou anos como mula do tráfico, fugindo da polícia de Gotham City e mascarando sua dor com hábitos ruins."

"Agora, Ryan mora em uma van com sua planta de estimação. É uma garota que poderia roubar leite de um gato no beco e que também poderia mataria alguém apenas com suas mãos. Ryan é o tipo mais perigoso de lutadora: altamente qualificada, mas selvagemente indisciplinada. Lésbica assumida. Atlética. Crua. Apaixonada. Falível. E passa bem longe do estereótipo do herói americano."

A segunda temporada de Batwoman deve estrear apenas em janeiro nos Estados Unidos --a rede The CW, que exibe a série por lá, adiou sua programação para o ano que vem por causa da pandemia do novo coronavírus. No Brasil, a atração está na programação da HBO.


Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você já tem seu favorito em A Fazenda 12?