Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

Bastards cancelada

Série com Richard Gere é a primeira maçã podre do streaming da Apple

Divulgação/BBC

O ator Richard Gere em imagem da minissérie britânica MotherFatherSon, lançada pela BBC neste ano

O ator Richard Gere na minissérie MotherFatherSon (2019); drama protagonizado por ele não vingou na Apple

REDAÇÃO

Publicado em 3/9/2019 - 16h26

O streaming da Apple eliminou sua primeira maçã podre da seara de atrações que vão estrear em seu novo streaming, programado para entrar no ar ainda neste ano. O drama Bastards, que teria Richard Gere como um dos protagonistas, foi cancelado antes mesmo de entrar no ar. A Apple preferiu pagar uma multa do que tocar o projeto.

O cancelamento foi provocado por diferenças criativas entre um dos showrunners e a Apple. Howard Gordon (de Homeland) não queria que a série focasse na amizade entre dois veteranos da Guerra do Vietnã (1955-1975), vontade da empresa e do outro produtor, Warren Leight (Law & Order: SVU). Gere seria um desses veteranos.

De acordo com o site The Hollywood Reporter, Apple e Gordon não encontraram um meio-termo. Assim, a gigante da tecnologia optou por perder dinheiro em vez de lançar a série com uma abordagem que não agradava aos executivos. Gordon desejava focar nos elementos mais obscuros do drama.

Como Gordon tem um acordo com os estúdios de televisão da Sony, e bom relacionamento com os estúdios da Fox, que estava por trás de Bastards, a atração ainda pode ser realizada e encontrar outro lar. O curioso é que a Apple pagou caro pelos direitos da série, derrotando outros grandes concorrentes em um "leilão".

Essa é a primeira atração cancelada pela dupla Jamie Erlicht e Zack Van Amburg, chefes de conteúdo do streaming Apple TV+. Eles estão há mais de dois anos no cargo e já trabalharam juntos com Leight, que recebeu o apoio deles no cabo de guerra com Gordon.

Porém, não é a primeira vez que a Apple enfrenta problemas nos bastidores de suas séries desde a chegada de Erlicht e Amburg. Uma comédia enfrentou graves problemas de agenda de gravação, a ponto de ter de dispensar a protagonista escalada, Kristen Wiig, devido a conflitos de calendário --ela tinha compromissos com o filme Mulher-Maravilha 1984, que deve estrear no ano que vem.

Fora isso, as séries The Morning Show, Amazing Stories e Foundation tiveram de trocar de showrunners, aquela pessoa que comanda a execução de uma atração.

Leia também

Web Stories

+
Vômito, narrador ridículo e ‘xerecada’: Cinco momentos engraçados das OlimpíadasBárbara, Kelvin e Medina: Atletas brasileiros se envolvem em tretas nas OlimpíadasAna ou Manuela? Saiba quem fica com Rodrigo no final de A Vida da GenteComo Rayssa Leal e Douglas Souza: Cinco atletas das Olimpíadas que você deve seguirTraição de Pyong Lee e treta de Nadja Pessoa: Ilha Record promete estreia acalorada

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Qual a melhor cobertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio?