Nostalgia

Plantão Médico retorna na íntegra; veja 5 motivos para assistir à série

Divulgação/NBC

O ator George Clooney duas décadas atrás, com 33 anos, em episódio da série Plantão Médico - Divulgação/NBC

O ator George Clooney duas décadas atrás, com 33 anos, em episódio da série Plantão Médico

JOÃO DA PAZ - Publicado em 03/07/2015, às 15h20 - Atualizado em 04/07/2015, às 16h41

Uma das séries mais marcantes da história, que reinou na televisão norte-americana nos anos 1990, volta ao ar no Brasil pela Warner, na íntegra, desde o primeiro episódio. A partir da próxima segunda (6), o canal exibe Plantão Médico (ER) em dois horários, às 13h e 20h50. O telespectador poderá ver, ou rever, porque o drama revolucionou as produções médicas da TV, com histórias comoventes e cenas inspiradas no cinema.

Além, é claro, do charme de George Clooney no começo da carreira, com 33 anos, e do carisma da Julianna Margulies, hoje protagonista de The Good Wife.

Plantão Médico teve no total 15 temporadas, entre 1994 e 2009. Exibida nos EUA pela rede NBC, no Brasil já foi ao ar pela Globo e SBT, na TV aberta, e pelo canal Sony, na TV paga.

O galã George Clooney em Plantão Médico; série alavancou a carreira do ator

George Clooney, o galã

Até estrear em Plantão Médico, George Clooney era um ator que transitava de série em série, de filme em filme, sem emplacar grandes sucessos. Ironicamente, o primeiro trabalho dele na TV, em 1984, também se chamava Plantão Médico, mas era uma comédia _que fracassou. Depois de estrelar duas outras séries, ele recebeu o roteiro de Plantão Médico e aceitou o papel do médico Doug Ross.

O sucesso foi instantâneo. Clooney passou a ser capa de revistas como Newsweek, GQ, People e TV Guide, que o chamou de “o médico mais gato da TV”. Duas temporadas na série foram suficientes para chamar a atenção de Hollywood. A carreira no cinema decolou como protagonista de Um Drink no Inferno (1996) e Batman & Robin (1997). Toda a badalação o fez cumprir apenas um contrato de cinco anos com a NBC, largando a série para se dedicar ao cinema.

A atriz Julianna Margulies brilhou como a enfermeira Carol, atuação que lhe rendeu um Emmy

Carisma de Julianna Margulies

Quem ajudou a elevar a fama de Clooney foi a atriz Julianna Margulies. Na pele da enfermeira Carol Hathaway, Margulies dava o tom certo de carisma à personagem para corresponder às investidas do mulherengo Doug Ross (Clooney). Entre tantos romances envolvendo os funcionários do Hospital Geral de Chicago, os telespectadores torciam mais para que a paquera entre opostos, o choque de um bad boy com uma jovem tímida, vingasse.

Em seis temporadas, Margulies atuou em 135 episódios de Plantão Médico. Ela foi indicada ao Emmy por todas as temporadas, duas vezes como atriz coadjuvante (1995 e 1996) e quatro como principal (de 1997 a 2000). Ela levou para casa somente uma estatueta, entregue na cerimônia de 1995. Margulies voltou a vencer um Emmy 16 anos depois, pelo trabalho em The Good Wife. A atriz também levou o prêmio de melhor atriz no ano passado.

George Clooney resgata garoto de um bueiro no episódio de maior audiência da série

Episódios dinâmicos

O primeiro episódio-chave de Plantão Médico foi o décimo da primeira temporada, intitulado de Blizzard, no qual uma nevasca atingia Chicago, causando acidentes em toda a cidade. “Os médicos estavam sentados tranquilos e se divertindo no hospital”, relembrou à revista Variety​ Carly Reichert, uma das produtoras da série. “Daí, de repente, mais de 150 pessoas sangrando e prestes a morrer entram na sala de emergência. Foi algo brilhantemente filmado”.  

O dinamismo desse episódio foi repetido em diversas cenas no decorrer da série. O ponto máximo pode ser marcado no sétimo episódio da segunda temporada, o de maior audiência da história da série: 48 milhões de telespectadores. O médico Ross (Clooney) salvava um garoto em um bueiro durante uma tempestade. “Em determinado momento, eles [Clooney e a criança] são encobertos pela enxurrada e você não sabe se eles estão vivos ou se morreram”, contou Chris Chulack, um dos produtores do drama. “Então, Clooney surge com o garoto no colo e a luz de um helicóptero mira neles. Foi uma imagem espetacular”.

O ator Anthony Edwards em uma das cenas mais comoventes do drama hospitalar 

Dramas cativantes

Como contraponto ao dinamismo, Plantão Médico apresentava episódios mais lentos, porém com muito drama e carregados de emoção. O episódio mais emblemático desse estilo é o 19º da primeira temporada, chamado de Love’s Labor Lost. O médico Mark Greene (Anthony Edwards) enfrentava um dos piores dias da vida ao atender uma grávida com complicações no parto.

A revista TV Guide elegeu esse episódio como o terceiro melhor da história das séries norte-americanas. Love’s Labor Lost recebeu cinco indicações para o Emmy: roteiro, direção, edição, edição de som e mixagem. Um dos produtores de Plantão Médico, John Wells, disse à TV Guide que o episódio é “um exemplo do melhor que a série pode oferecer.” 

Ray Liotta venceu um Emmy pelo papel de um alcoólatra arrenpendido em Plantão Médico

Pacientes envolventes

Por mais que Plantão Médico tenha muitos protagonistas e coadjuvantes, sempre há espaço para apresentar uma boa história dos pacientes atendidos pelo funcionários do Hospital Geral. E durantes as 15 temporadas, muitos atores famosos participaram da série como pacientes: Danny Glover, Kirsten Dunst, Susan Sarandon, William H. Macy, Don Chaedle, Forest Whitaker, entre outros.

Entre tantas colaborações especiais, duas se destacam. Michael Rapaport (Prison Break, Friends) cativou o público em episódio da quarta temporada no qual interpretou um homem à beira da morte após sofrer queimaduras no corpo. Abandonado pela família, ele compartilha o sofrimento com a enfermeira Carol (Margulies). Já Ray Liotta (do filme Os Bons Companheiros) ganhou um Emmy em 2005 por fazer um alcóolatra arrependido de ter desperdiçado a vida.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Tudo sobre

Emmy

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual reprise da Globo você mais quer ver?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook