Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

Caso Bill Clinton

Duas séries sobre escândalo na Casa Branca são canceladas no mesmo dia

Reprodução

Bill Clinton nega caso com Monica Lewinsky, em coletiva realizada em 1998 ao lado da mulher, Hillary - Reprodução

Bill Clinton nega caso com Monica Lewinsky, em coletiva realizada em 1998 ao lado da mulher, Hillary

REDAÇÃO

Publicado em 5/4/2018 - 14h03

Em menos de 24 horas, dois projetos de séries sobre o caso extraconjugal do ex-presidente Bill Clinton com Monica Lewinsky, então estagiária da Casa Branca, foram cancelados. As produções já estavam confirmadas, mas não sairão mais do papel por "decisões criativas" dos canais FX e History, que seriam responsáveis pelas duas atrações. 

O produtor Ryan Murphy anunciou, em fevereiro do ano passado, que a quarta temporada da premiada American Crime Story seria sobre a relação de Clinton com Monica, em uma adaptação do livro A Vast Conspiracy: The Real Sex Scandal That Nearly Brought Down A President (Uma Conspiração Enorme: O Escândalo Sexual Real que Quase Derrubou um Presidente, em tradução livre).

Em entrevista para a revista The Hollywood Reporter, publicada na última quarta (4), Murphy anunciou que voltou atrás por achar que Lewisnky deveria contar a própria história, ao invés de outros a exporem. "É nojento se assim fizerem", disse ele.

O segundo projeto faria parte de uma minissérie do History que, a cada ano, pretende retratar algum acontecimento na vida de um presidente norte-americano. The Commanders (Os Comandantes) usaria o caso Clinton-Lewinsky para conduzir a primeira temporada, conforme anunciado há sete meses.

Ontem, porém, o canal divulgou que não irá mais fazer a adaptação do livro The Breach: Inside the Impeachment and Trial of William Jefferson Clinton (O Rompimento: Por Dentro do Impeachment e Julgamento de William Jefferson Clinton). Apesar de ter desistido de retratar a polêmica de Clinton, o projeto de The Commanders continua de pé e outro presidente ganhará vez na estreia.

Entenda o caso Clinton-Lewinsky
Em 26 de janeiro de 1998, Clinton convocou uma entrevista coletiva para negar que tivesse se envolvido com Monica Lewinsky, ao contrário do que divulgava a imprensa. Ele estava ao lado da primeira-dama, Hillary, e do vice-presidente, Al Gore.

Investigações de órgãos independentes do governo norte-americano, reportagens da mídia e um depoimento de Monica Lewinsky desmentiram Clinton. O presidente e a estagiária tiveram um caso entre 1995 e 1997, que foi de conversas picantes por telefone a sexo oral dentro da Casa Branca. Monica chegou a entregar como prova um vestido azul manchado de sêmen, que seria de Clinton.

Devido à mentira contada em frente às câmeras, Clinton enfrentou um processo de impeachment por perjúrio e obstrução de justiça, mesmo após admitir, sete meses depois da fatídica coletiva, que de fato se relacionou com a estagiária.

A votação do impeachment de Clintou durou 21 dias no Senado norte-americano. O presidente foi absolvido de todas as acusações em 12 de fevereiro de 1999.

Hillary se manteve fiel ao marido e não pediu o divórcio. Ela depois virou senadora (por Nova York), secretária de Estado (no governo de Barack Obama) e perdeu a eleição presidencial para Donald Trump, em novembro de 2016.

Leia também

Web Stories

+
Como Lázaro Ramos e Taís Araujo: 7 casais formados nos bastidores da GloboSex Education vai ter 4ª temporada? Veja cinco curiosidades sobre a sérieA Fazenda 13: Surto na baia e barraco com ofensas marcam primeira semana do realityQuem é Alanis Guillen? Conheça a Juma Marruá do remake de PantanalHarmonização facial e lente nos dentes: Veja antes e depois dos peões de A Fazenda 13

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Além de Pantanal, qual novela antiga merecia um remake?