Série faz 10 anos

De pênis com DIU a homem grávido: veja 5 bizarrices de Grey’s Anatomy

Fotos: Divulgação/ABC

As atrizes Sandra Oh, Katherine Heigl e Ellen Pompeo observam homem 'grávido' em Grey's Anatomy - Fotos: Divulgação/ABC

As atrizes Sandra Oh, Katherine Heigl e Ellen Pompeo observam homem 'grávido' em Grey's Anatomy

JOÃO DA PAZ - Publicado em 26/03/2015, às 06h10 - Atualizado em 27/03/2015, às 04h34

O drama hospitalar Grey’s Anatomy completa hoje (27) dez anos no ar. Primeiro sucesso da produtora Shonda Rhimes (de Scandal e How to Get Away with Murder), é uma das séries mais populares dos Estados Unidos. Exibida no Brasil pelo canal pago Sony, mostra casos bizarros de pacientes do hospital Seattle Grace. Os médicos da instituição já atenderam um homem "grávido", transplantaram pênis e trataram de um casal que ficou preso um ao outro ao fazer sexo _o DIU (dispositivo intrauterino) dela se fixou ao piercing do membro dele (veja detallhes abaixo).

A série acompanha o cotidiano de médicos recém-formados. Paralelamente às cirurgias e operações inusitadas, traz dramas, brigas e romances entre os profissionais, ganhando um ar novelesco. O SBT, que exibiu as cinco primeiras temporadas em 2008, anunciou Grey's Anatomy como "novela americana".

O principal casal é o formado pelo neurocirurgião Derek Shepherd (Parick Dempsey) e pela cirurgiã Meredith Grey (Ellen Pompeo), que tiveram a primeira relação sexual na estreia da série. Outros três estão no elenco desde o começo: Justin Chambers, Chandra Wilson e James Pickens Junior. Porém, quem mais brilhou foi Katherine Heigl, vencedora do Emmy de melhor coadjuvante em 2007. Com ela no elenco, Grey’s Anatomy atingiu o pico de popularidade. Chegou a 37,88 milhões de telespectadores na segunda temporada.

Atualmente na 11ª temporada e sem Heigl, Grey's Anatomy registra metade audiência, 8,29 milhões de telespectadores por episódio, mas segue uma das mais vistas nos EUA entre pessoas de 18 e 49 anos.

Relembre cinco casos bizarros dos dez anos de Grey’s Anatomy:

As atrizes Sandra Oh, Katherine Heigl e Ellen Pompeo com o 'homem grávido'

'Gravidez' masculina

Episódio: Something to Talk About (sétimo da segunda temporada)
Data: 6 de novembro de 2005

Os estagiários do Seattle Grace se espantam com a convicção de um rapaz, Shane Herman (Joe Sikora), que afirma estar grávido. Quatro cirurgiãs se dedicam no caso, sem entender bem o motivo de a barriga do rapaz estar inchada. 

Shane faz um teste de gravidez. A surpresa é que o resultado dá positivo. Depois de uma análise mais minuciosa, se descobre que havia um alto número de um hormônios comuns encontrado em urina das mulheres grávidas. O que o rapaz na verdade tinha era um tumor chamado teratona, mistura de resíduos fetais e tecidos embrionários. A massa, maligna, foi retirada.

A atriz Arlene Tur se contorce em leito; personagem tem orgasmos espontâneos 

Orgasmos espontâneos

Episódio: Yesterday (18º da segunda temporada)
Data: 19 de fevereiro de 2006

Uma mulher chamada Pamela Calva (Arlene Tur) aparece no hospital após sofrer um acidente de carro. Enquanto os cirurgiões internos George O’Malley (T.R. Knight) e Izzie Stevens (Katherine Heigl) a examinam, ela passa a se contorcer no leito e a gemer alto: um orgasmo espontâneo acabou de acontecer.

A ginecologista Addison Montgomery (Kate Walsh) atende Pamela e a entrevista para entender o caso. Esses “episódios”, como a paciente chama os orgasmos, ocorrem de sete a oito vezes por dia. Um médico chegou a atendê-la em outro hospital, mas ele a mandou para um psiquiatra. Desta vez, Pamela recebeu o tratamento correto e a equipe do Seattle Grace a curou.

O ator Arye Gross (deitado) olha para Faith Prince em episódio da terceira temporada

Sexo de risco

Episódio: Oh, the Guilt (quinto da terceira temporada)
Data: 19 de outubro de 2006

Um casal de corretores de imóveis divorciado havia cinco anos mantinha encontros casuais mesmo após a separação. Tudo ia bem até que uma transa rápida virou um constrangimento total: os dois ficam presos um ao outro. A tarefa dos internos e residentes foi descobrir como isso aconteceu.

O rapaz estava com um piercing peniano. A moça não tinha nada na parte externa da vagina. Após exames de raio-X, descobriu-se que o DIU (dispositivo intrauterino, método anticoncepcional instalado dentro do corpo da mulher) saiu da posição correta, escorregou dentro do útero e se enroscou com o piercing. Os médicos conseguiram separá-los. Depois da operação, o rapaz teve um ataque cardíaco, mas se recuperou.

O ator James Immekus como um paciente que se jogou em um cimento fresco e ficou preso

'Homem cimento'

Episódio: Freedom, parte 1 e 2 (16º e 17º da quarta temporada)
Data: 22 de maio de 2008

Um homem coberto de cimento. Somente um episódio não daria conta de contar toda a história dessa bizarrice. A complexidade do caso exigiu seis profissionais para cuidar do jovem de 19 anos que, para impressionar uma garota ao aceitar um desafio de colegas, se jogou em uma poça d'água misturada com cimento.

O rapaz chegou ao hospital como um bloco. Os médicos tiveram de traçar uma estratégia minuciosa para conseguir livrá-lo. O risco que corria era com queimaduras de terceiro grau e ossos quebrados. Um plano à parte teve de ser posto em prática para mantê-lo hidratado sem acumular líquido na bexiga. No final das contas, tudo deu certo e ele foi resgatado. 

Dezenas de residentes e internos acompanham inédito transplante de pênis no Seattle Grace

Transplante de pênis 

Episódio: Love, Loss and Legacy (quinto da oitava temporada)
Data: 13 de outubro de 2011

Um momento histórico para a medicina foi usado como ensinamento. A urologista Catherine Avery (Debbie Allen) convoca médicos, residentes e internos do Seattle Grace para o auditório do hospital e pergunta entusiasmada: “Quem quer participar do primeiro transplante de pênis dos Estados Unidos?”. Mas apenas quatro pessoas, três residentes e um cirurgião, estiveram na mesa operatória. Os outros apenas assistiram.

O nome do paciente é Ryan, de 28 anos. A busca dele para tratar um câncer no pênis foi um pouco tardia. Apesar de ter ficado curado, o órgão genital teve de ser cortado. Em busca de um transplante, ele acha um doador e a equipe do hospital assume a responsabilidade de realizar a cirurgia inédita. Com muito cuidado (e sob o olhar de curiosos), o transplante ocorreu sem qualquer problema.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual é seu programa favorito gravado na quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook