Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

De Perto Ninguém É Normal

Ex-Porta dos Fundos mistura ficção e documentário em nova série do GNT

Tricia Vieira/GNT

A protagonista Júlia Rabello em cena da série De Perto Ninguém É Normal, do GNT - Tricia Vieira/GNT

A protagonista Júlia Rabello em cena da série De Perto Ninguém É Normal, do GNT

REDAÇÃO

Publicado em 24/8/2016 - 5h13

Ex-integrante do grupo Porta dos Fundos, Júlia Rabello, 35 anos, a lésbica Úrsula da novela A Regra do Jogo (Globo), estreia nesta quarta-feira como protagonista de uma produção do canal GNT. Ela encabeça De Perto Ninguém É Normal, série de 13 episódios que misturam ficção e documentário. Na produção, Júlia entrevista convidados ilustres, como Pedro Bial e Irene Ravache, atua em cenas cômicas e faz graça de situações cotidianas.

Na série, a atriz interpreta uma personagem de mesmo nome. O cenário principal é o estúdio de gravação de um programa de TV, onde ela conversa com os atores Rodrigo Pandolfo e Cláudia Missura sobre o tema abordado no episódio. Serão discutidos assuntos como consumismo, amor, vaidade e sexo.

Além do estúdio, o programa leva os personagens para gravações externas. No primeiro episódio, o tema é vida urbana. Júlia sai na rua de pijama e obriga o dono de uma pizzaria a abrir o estabelecimento de madrugada para que ela use o telefone em uma emergência, já que, na teoria, a cidade grande nunca dorme.

O humor da série é sempre baseado em situações do cotidiano, premissa recorrente na TV brasileira _séries como Adorável Psicose (2010-2014), do Multishow, Os Normais (2001-2003) e Comédia da Vida Privada (1995-1997), da Globo, foram bem-sucedidas nesse sentido. No próprio GNT, De Perto Ninguém É Normal foi o nome dado a um especial de quatro episódios protagonizado por Fábio Porchat em 2008. Na época, ele acompanhava histórias inusitadas de pessoas reais, como os casos de uma fisioterapeuta que virou rainha do fetiche e de um professor de educação física que trabalhava como "personal friend".

Agora, o diferencial da nova versão da série é a mistura de ficção e documentário. Júlia, Pandolfo e Cláudia interpretam personagens, entrevistam pessoas comuns, como garçons e motoboys, e debatem os assuntos dos episódios com convidados especiais, como Pedro Bial, Arlindo Cruz, Walter Casagrande e Irene Ravache. Com este formaso, a série idealizada por Luiz Villaça e dirigida por Maria Farkas deixa o público na dúvida sobre o que é verdade e o que não passa de uma interpretação bem-humorada dos problemas do dia a dia.

A série será exibida toda quarta-feira às 23h.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Você já tem seu favorito em A Fazenda 12?