Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

GABRIELA DE LA GARZA

Após combater tráfico em Narcos, atriz vira bruxa e faz amarração do amor na HBO Max

DIVULGAÇÃO/HBO MAX

Gabriela de la Garza segurando uma bolsa, vestindo uma blusa preta, ao lado de um balcão de um bar

Gabriela de la Garza em cena de Amarrações no Amor, primeira série mexicana original da HBO Max

Após tentar combater o tráfico de drogas em Narcos (2015-2017), na pele da jornalista colombiana Diana Turbay (1950-1991), a atriz Gabriela de la Garza teve de mergulhar no mundo da bruxaria e aprender a fazer feitiços para viver a protagonista de Amarração no Amor, primeira série mexicana da HBO Max.

Porém, ao contrário das figuras medonhas que a Disney propagou mundo afora, a bruxa Ana é uma mulher jovem, bonita, maconheira, livre, adepta do poliamor, mãe de três filhos --um de cada pai--, falida, porém muito honesta. No auge de sua crise financeira, ela é aconselhada pelos amigos de longa data a ganhar dinheiro com seus dons místicos, herdados de sua avó, mas ela reluta contra sua sina.

"Ainda que muitos digam que não acreditam em bruxaria, ela está com a gente o tempo todo. Faz parte de nossa educação, é da nossa idiossincrasia. Tem a pulseirinha vermelha no pulso, uma pedra, um selo, enfim. Em todos os níveis socioeconômicos creio que, de alguma forma, estamos ligados ao mundo mágico", disse a atriz em entrevista ao Notícias da TV.

Gabriela de la Garza na série Narcos (Divulgação/Netflix)

Para se aprofundar neste universo, Gabriela fez várias visitas ao Mercado de Sonora, um local que não é bem visto nem mesmo pelos próprios mexicanos, pois é onde se comercializam todos os tipos de itens, produtos e até mesmo animais vivos para a realização de rituais. E também se encontram diversos gurus de diferentes linhas de trabalho, com quem ela fez uma imersão para entender mais sobre a vida de um bruxo.

"Pude aprender que existem até rixas entre as linhas da bruxaria. As que seguem o iorubá não se dão com as pré-hispânicas. Foi engraçado ver isso. Mas quando cheguei lá, falei com toda a honestidade que era atriz, porque me fizeram de tudo: limpeza espiritual, me passaram ovos, fizeram leitura por caracóis, me tiraram cartas. E eu quis saber o que as pessoas buscavam por lá, os elementos que utilizam, como se sentam, sentir a energia delas", relatou.

Como o candomblé e a umbanda não são tão difundidas no México quanto no Brasil, normalmente os interessados buscam os "milagreiros" que herdaram os dons de seus ancestrais nativos do México, ou até mesmo da Santería, praticada sobretudo pelos cubanos que migraram para os países de língua espanhola na América do Sul.

Gabriela buscou um pouco de todas as escolas da bruxaria para dar vida a Ana, embora a série não especifique qual é a linha ou o tipo de especialidade que a bruxa desastrada pratica em suas amarrações.

"Eu perguntei para uma das bruxas que estava me dando aulas se tudo aquilo realmente funcionava, e ela me disse: 'Não é um fio vermelho, não é a amarração, não é o feitiço que fará realmente funcionar. São a intenção, a fé e a energia que você põe nas palavras, no que quer fazer e no que quer projetar que transformam nossa realidade'. Eu acredito que esse poder mágico todos nós temos", comentou.

A primeira temporada de Amarração no Amor estreou quinta-feira (12) na HBO Max e conta com dez episódios de aproximadamente 45 minutos cada.

TUDO SOBRE

HBO Max

Narcos


Leia também

Enquete

Você gostou da escolha de Tadeu Schmidt para o BBB22?

Web Stories

+
Outubro Rosa: Conheça cinco famosas que venceram o câncer de mamaAlém de José de Abreu: Sete atores brasileiros que se aventuraram na políticaApós derrota em eleição, Victor Pecoraro perde mais uma votação e deixa A Fazenda 13Deixaram saudade: Conheça cinco atores de O Clone que já morreramEsqueceram de Mim ganha novo filme no Disney+; veja como está o elenco original

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas