Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

Baixa

Mel Lisboa deixa Pecado Mortal, e autor se sente desrespeitado

Reprodução/TV Record

A atriz Mel Lisboa interpreta Marcinha em cena de Pecado Mortal, novela da Record - Reprodução/TV Record

A atriz Mel Lisboa interpreta Marcinha em cena de Pecado Mortal, novela da Record

PAULO PACHECO

Publicado em 1/2/2014 - 13h23

O autor de Pecado Mortal, Carlos Lombardi, afirma ter ficado perplexo ao ser informado sobre a decisão de Mel Lisboa, que pediu para deixar a novela para atuar no musical Rita Lee Mora Ao Lado. Segundo Lombardi, outros personagens (e atores) terão de deixar a novela da Record por causa do "buraco" a ser deixado por Mel Lisboa, que estaria negociando retorno para a Globo.

"Recebi a notícia na semana passada e fui pego de surpresa. Achei isso um desrespeito. Comecei a novela com duas atrizes, Paloma Duarte e Bianca Byngton, que tinham por contrato dias específicos de gravação. Mas [deixar a novela] para fazer uma peça nunca vi. Fiquei perplexo", desabafa.

Carlos Lombardi condena a saída repentina de Mel Lisboa, mas não vai fechar as portas para a atriz. "[Mel Lisboa] não vai ficar queimada comigo, mas foi uma decisão equivocada. É a primeira vez que tenho que matar uma personagem porque a atriz vai fazer uma peça de teatro. É uma questão de ética", critica.

A personagem de Mel Lisboa, Marcinha, será morta no capítulo 100, quando acontecerá uma grande virada na novela. Foi uma solução simples encontrada pelo autor, que terá de se desdobrar para alterar os rumos de, pelo menos, mais cinco personagens.

"O problema não é fazê-la sumir, mas interromper uma trama já prevista, estruturada, que envolve vários outros personagens. Uma pena, gosto da personagem e da atriz", lamenta o autor.

Em Pecado Mortal, Marcinha, uma moça conservadora de classe média, entrou para a prostituição orientada por Stella (Betty Lago), interessada em obter informações sigilosas de bicheiros. Sem Mel Lisboa, Lombardi terá de encaixar uma nova pupila para Stella. Escolheu Tônia (Gabriela Moreyra), a periguete da comunidade, que terá que fazer um "banho de loja" para se tornar prostituta de luxo.

O novelista ainda não sabe como solucionar o "quadrado amoroso" envolvendo Marcinha, Anjo (Daniel Del Sarto), Ramiro (Marcos Pitombo) e Helena (Mariah Rocha). Também terá de encontrar alguma função para Fernanda (Andréa Avancini), mãe da personagem de Mel Lisboa. "Não sei se vou conseguir substituir tudo. Alguns personagens terão que sair", adianta Lombardi.

Amor à Vida e Em Família

Carlos Lombardi, que já declarou "não ser contra nem a favor" quanto à mudança de horário de Pecado Mortal, admite que espera uma semana ruim para sua trama em termos de audiência ao enfrentar diretamente Em Família, nova novela da Globo.

"Espero ter uma semana muito ruim de audiência, mas o público vai se acostumar ao novo horário, e a novela vai se recuperar", aposta o autor.

O novelista da Record não assistiu ao último capítulo de Amor à Vida, que terminou com o inédito beijo gay em novelas entre homens. "Não vi [o último capítulo de Amor à Vida] porque tinha que fazer a minha novela. Mas sei que Félix (Mateus Solano) foi um sucesso. Não gosto de avaliar ou criticar novela dos outros", declara Lombardi.

LEIA TAMBÉM:

Beijo de Félix e Niko reflete 'momento da sociedade', diz Globo

Crítica: Amor à Vida termina inconsistente e com cenas impactantes

Relembre como a tecnologia alterou os rumos de Amor à Vida

Globo erra em chamada para reprise do último capítulo

Amor à Vida discutiu homofobia com profundidade, diz Walcyr Carrasco

Record rebobina novela Pecado Mortal no ar; assista

Carlos Lombardi: 'Ibope de Pecado Mortal não é uma Brastemp'


​► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Quem deve ser a nova Juma Marruá?