Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

Novela das sete

Deus Salve o Rei: Augusto descobre que Catarina tentou matá-lo e bate na cara dela

Reprodução/TV Globo

Marco Nanini (Augusto) em Deus Salve o Rei; monarca ficará chocado com plano da filha - Reprodução/TV Globo

Marco Nanini (Augusto) em Deus Salve o Rei; monarca ficará chocado com plano da filha

ODARA GALLO

Publicado em 1/3/2018 - 5h11
Atualizado em 1/3/2018 - 6h08

Catarina (Bruna Marquezine) colocará a vida de Augusto (Marco Nanini) em risco para tomar o poder em Deus Salve o Rei. Nos próximos capítulos, o público descobrirá que a princesa é a mandante do atentado contra o próprio pai, em uma aliança com Rodolfo (Johnny Massaro), para promover uma guerra entre Montemor e Artena e, dessa forma, unir os reinos. O rei flagrará a filha aos beijos com o irmão de Afonso (Romulo Estrela), perceberá na hora que foi vítima de um golpe e dará um tapa na cara dela.

O capítulo desta quinta-feira (1º) terminará com Augusto sendo atingido por uma flecha durante uma apresentação de teatro na praça, o que o deixará em uma situação delicada de saúde.

Catarina se apressará em acusar Rodolfo como responsável pelo atentado e mandará cortar o fornecimento de água para o reino vizinho. O rei de Montemor, então, declarará guerra a Artena.

A batalha entre os exércitos durará três capítulos inteiros, e o conselheiro do rei, Demétrio (Tarcisio Filho), morrerá em combate. A guerra culminará na invasão do castelo de Artena.

Rodolfo se aproximará de Catarina, os dois se encararão em silêncio, e a descrição da cena orienta a direção a alimentar a dúvida no público sobre a reação do monarca de Montemor. "Rodolfo caminha calma e ameaçadoramente até ela", diz o roteiro entregue à equipe.

"Essa guerra... Tudo que fiz, foi apenas para chegar até aqui", dirá o personagem de Johnny Massaro, com ar misterioso. "E finalmente chegou", responderá a princesa. Em vez de matá-la ou prendê-la, Rodolfo a beijará.

Augusto, que ainda estará abalado com a morte de seu fiel escudeiro, chegará a tempo de flagrar os dois e desmascará-los. "Mas... O que significa isso?!", perguntará o pai de Catarina, surpreso. "Diga que eu estou louco. Diga que você não armou tudo isso em conluio com Rodolfo", implorará o rei.

"Eu fiz o que era necessário, meu pai. E tudo o que fiz foi pelo bem de Artena. Foi um caminho longo e tortuoso, mas muito bem-sucedido", justificará a personagem de Bruna Marquezine. "Foi uma guerra!", gritará Augusto. "Então desde o princípio... Agora tudo faz sentido", perceberá ele.

A fala do rei será coberta com imagens da discussão em que Rodolfo o ameaçou, possibilitando que Catarina jogasse nele a culpa pelo atentado. "Não... Você não seria capaz de fazer isso com seu próprio pai!", disparará o rei, decepcionado.

"A flecha deveria apenas ter lhe acertado de raspão", argumentará Catarina. "Foi um erro do arqueiro. Eu jamais desejei que aquela flecha pusesse vossa vida em risco", emendará ela, assumindo ser a mandante do atentado.

"Isso é muito pior do que uma flecha cravada em meu peito. E tudo isso para que você desse então a cartada final. E Rodolfo pudesse então declarar guerra de uma forma que parecesse legítima a todos", deduzirá o monarca.

estevam avellar/tv globo

Augusto (Marco Nanini) é atingido por flecha em apresentação de teatro em Deus Salve o Rei

Guerra armada
A princesa, então, dirá para o pai que provocar uma guerra foi a maneira que conseguiu de unir os dois reinos. "Era a única alternativa que me restava! A única chance de me libertar do destino que o senhor determinou para mim. Ser uma princesa sem poder, tendo sempre que me calar e aceitar todas as decisões de um rei hesitante e fraco!", disparará ela.

"Você está ouvindo o que está dizendo? Centenas de pessoas morreram! Artena está destruída!", retrucará Augusto. "Se o senhor tivesse permitido o meu casamento com Rodolfo desde o início, muitas vidas teriam sido poupadas. O sangue desses inocentes também está em vossas mãos!", acusará ela.

Em um impulso, o rei dará uma bofetada na cara da filha. "Então você reinará em Montemor ao lado de Rodolfo?", perguntará ele, indignado. "Rodolfo me manterá como sua prisioneira por um tempo, depois serei libertada, e então nos aproximaremos e...", explicará a princesa.

"Mas Rodolfo é casado com Lucrécia [Tatá Werneck]!", interromperá o monarca. "Um detalhe que será resolvido assim que possível", falará Catarina, fria.

"Meu Deus! O quão cego pode ser um pai diante da índole de um filho?! Eu realmente não sei quem é a mulher que está diante de mim", lamentará o personagem de Marco Nanini. "Uma mulher a quem o senhor sempre subestimou", rebaterá a filha, na cena que está prevista para ir ao ar no dia 8.

Últimas de Deus Salve o Rei


Outras Novelas

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Quem deve ser a nova Juma Marruá?

Vanessa Giácomo
21.13%
Lucy Alves
16.78%
Rafa Kalimann
12.62%
Isis Valverde
22.07%
Uma atriz desconhecida
27.40%