Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

JULIANA BOLLER

Atriz de Gênesis recorre a instinto feminino para virar 'mãe da humanidade' na Record

EDU MORAES/RECORD

A atriz Juliana Boller com longos cabelos que cobrem o corpo nu diante de um vale verde como Eva em cena de Gênesis

Eva (Juliana Boller) na primeira fase de Gênesis; novela bíblica estreia no próximo dia 19 na Record

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 6/1/2021 - 17h29

Juliana Boller entrega que entrou em contato com os sentimentos mais primordiais para compor Eva em Gênesis. A atriz recorreu ao instinto feminino para se tornar uma das principais figuras maternas das escrituras cristãs da nova novela bíblica da Record, que substituirá Amor Sem Igual a partir do próximo dia 19. "Acho que ela é aquela mãe mesmo, que cuida e zela", avalia.

A intérprete acredita que o papel caiu em suas mãos justamente quando ela revê a própria feminilidade em sua vida pessoal. "Acabei de fazer 34 anos, e é um momento em que a mulher começa a amadurecer, florescer o instinto materno e essa relação de cuidado", afirma ela, em comunicado enviado pela Record à imprensa nesta quarta (6).

Para voltar às origens, ela enfrentou uma espécie de maratona com direito a toques do historiador Maurício dos Santos e da preparadora de elenco Fernanda Guimarães. "Foram quase 15 encontros só de leitura de texto e de todas as cenas até chegar no set de gravação. Foi uma preparação muito intensa, com tempo médio de sete horas por dia", relembra.

Ela também precisou colocar a mão na massa por conta de Eva. "A gente montou um acampamento para experimentar as vivências da época, como fazer fogueira, cozinhar e manuseio de barro", explica Juliana, que dividirá a cena com Carlo Porto.

O galã ficou com o papel de Adão na produção escrita por Camilo Pellegrini. "É muito legal ter um parceiro que te acompanha e se joga com a mesma intensidade, além de ser um doce de pessoa. Foi fundamental estarmos juntos nessa viagem. Estou feliz por trabalhar com ele", avalia.

A artista, inclusive, confessa que se preparou para chorar sem parar por conta da personagem, responsável por "amaldiçoar" toda a humanidade com o pecado original. Ela também padecerá por conta da guerra entre os filhos Caim (Eduardo Speroni) e Abel (Caio Manhente), que terminará em uma tragédia.

"Eu e toda equipe queremos tocar o coração de vocês com essa história que nos emocionou muito. Cada lágrima que caiu no meu olho saiu de dentro do meu coração", pondera a fluminense.

Prêmio NTV Melhores do ano


Últimas de Gênesis


Resumos Semanais

Resumo da novela Gênesis: Capítulo de 22 de novembro

Segunda, 22/11 (Capítulo 220) 
Lúcifer é impedido de invadir festa de Israel. Herit anuncia gravidez a Shereder. Judá se redime por ter vendido José. Asenate chora de felicidade ao lado do governador-geral do Egito. Deus surge em discurso final. Abumani surpreende ... Continue lendo


Outras Novelas

Leia também

Enquete

Qual foi a melhor série documental brasileira do ano?

Web Stories

+
Ficção virou realidade: Casa de Esqueceram de Mim é aberta ao público; veja fotosDivórcio, tragédia e treta: 5 notícias que peões de A Fazenda 13 não sabemJuan Paiva rouba a cena em Um Lugar ao Sol; conheça a história do atorGui Araujo deixa A Fazenda 13 após expor lado prepotente e preconceituoso; relembreDe série na Netflix a aposentadoria: Por onde anda o elenco de O Cravo e a Rosa?

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas