Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

No Space

Star Wars tem 'esquenta' na TV antes de novo filme; conheça a história da saga

Divulgação/20th Century Fox

O ator David Prowse dá vida ao vilão Darh Vader no filme Star Wars: O Império Contra-Ataca - Divulgação/20th Century Fox

O ator David Prowse dá vida ao vilão Darh Vader no filme Star Wars: O Império Contra-Ataca

GABRIEL PERLINE

Publicado em 13/11/2015 - 5h03

Uma das franquias mais lucrativas do cinema, Star Wars está prestes a ganhar seu sétimo filme, com novo elenco e direção, previsto para chegar aos cinemas em 17 de dezembro. Antecipando-se à estreia, o canal Space promove um "esquenta" nos próximos domingo (15) e na segunda-feira (16), com uma maratona dos longas lançados até o momento, menos o primeiro deles, de 1977. Juntos, os filmes de fantasia científica, criados pelo cineasta George Lucas, ocuparão mais de dez horas diárias da grade do canal.

Com quase 40 anos de história, a franquia marcou uma nova maneira de fazer cinema em Hollywood. Primeiro fenômeno da cultura pop mundial, Star Wars criou novos padrões na produção de efeitos especiais, considerados pela crítica da época bastante ousados e complexos, devido à falta de recursos tecnológicos adequados para a grandiosidade da saga.

Mas até atingir todo o prestígio e arrecadar aproximadamente 30 bilhões de dólares em bilheterias, merchandising e produtos licenciados, emplacando quatro filmes na lista dos cem mais lucrativos da história do cinema, George Lucas enfrentou forte resistência por parte das produtoras.

DIVULGAÇÃO/LUCASFILM

O cineasta George Lucas no set de filmagens do primeiro episódio de Star Wars, em 1977

Como tudo começou

Ainda estagiário, ele passou a ser tratado como gente grande ao conquistar cinco indicações ao Oscar e o Globo de Ouro de melhor filme de comédia com Loucura de Verão (1973), produção de baixo orçamento. Graças a esse filme, George Lucas transformou em realidade seu mais ambicioso projeto: a ópera espacial Star Wars. Após ouvir "não" de diversas produtoras, Lucas ouviu o "sim" do executivo Alan Ladd Junior.

Com um roteiro gigantesco, o cineasta o dividiu em três etapas. Como os produtores estavam pessimistas, ninguém acreditava que o projeto tivesse continuidade ao final da primeira parte. Essa descrença permitiu ao cineasta ficar com todos os direitos de sua obra, incluindo merchandising e produtos licenciados. E ele surfou em um mar de dinheiro, para arrependimento de seus antigos empregadores.

Lucas recebeu US$ 8 milhões para fazer seu filme e enfrentou diversos problemas na fase de execução: produtora insatisfeita com o elenco, além de roteiro, texto e figurinos considerados absurdos e ridículos. Fora isso, as tempestades de areia na Tunísia _onde foram filmadas muitas das cenas do primeiro longa_ atrasaram o trabalho.

O receio do fracasso era tão grande que, em 25 de maio de 1977, o filme estreou em apenas 32 salas de cinema dos Estados Unidos. Mas, para a surpresa dos investidores, as sessões lotaram e foi necessário ampliar a distribuição. Graças à ousadia de George Lucas, a ficção científica voltou a ter seu prestígio, e o investimento em tecnologia para a realização de efeitos especiais foi ampliado. 

DIVULGAÇÃO/LUCASFILM

O ator Anthony Daniels ao lado de Geoge Lucas em locação do quinto longa de Star Wars

O bem contra o mal

A saga Star Wars é ambientada em uma galáxia fictícia, chamada de Império Galáctico. Ao contrário da Via Láctea, todos os planetas possuem seres vivos, como alienígenas, humanoides e robôs, que se conectam entre as viagens planetárias.

Com elementos de contos de fadas, o bem e o mal lutam entre si e são denominados como Jedi e Sith, respectivamente, que usam a Força (energia que permite aos potenciais manipuladores executarem poderes sobrenaturais) nos constantes confrontos para obter o controle da galáxia.

Entre os personagens, destacam-se Luke Skywalker e a princesa Leia, filhos de Anakin e da rainha Padmé, que morre durante o parto. Anakin, ao prever a morte da mulher, deixa se convencer de que somente o lado sombrio poderá poupar sua vida. Ele, então, passa a ser um Sith e a se apresentar como Darth Vader, o grande vilão de toda a saga.

Luke e Leia crescem sem saber que são irmãos e que são filhos de Darth Vader. Orientados pelo mestre Yoda, guardião dos segredos sobre a vida dos heróis, eles lutam contra os Sith até controlarem a atuação do lado negro da Força. Os detalhes de toda a saga podem ser conferidos nos próximos dias no canal Space.


STAR WARS - NO CANAL SPACE

Domingo, 15

► Star Wars: Episódio V - O Império Contra-Ataca, às 10h40

► Star Wars: Episódio VI - O Retorno de Jedi, às 13h

► Star Wars: Episódio I: A Ameaça Fantasma, às 15h25

► Star Wars: Episódio II: Ataque dos Clones, às 17h50

► Star Wars: Episódio III: A Vingança do Sith, às 20h25

Segunda-feira, 16

► Star Wars: Episódio V - O Império Contra-Ataca, às 8h40

► Star Wars: Episódio VI - O Retorno de Jedi, às 11h

► Star Wars: Episódio I: A Ameaça Fantasma, às 13h25

► Star Wars: Episódio II: Ataque dos Clones, às 15h50

► Star Wars: Episódio III: A Vingança do Sith, às 18h25


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

TUDO SOBRE

Space

Star Wars

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Qual reality show você acompanhará após o fim do BBB21?