CARLOS ALVES

Diretor da Record faz campanha de boicote contra filme de Fábio Porchat: 'Lixo'

FOTOS: REPRODUÇÃO/NETFLIX

Gregório Duvivier e Fábio Porchat no cartaz de divulgação do filme A Primeira Tentação de Cristo

Gregório Duvivier e Fábio Porchat protagonizam A Primeira Tentação de Cristo, especial de Natal para a Netflix

GABRIEL PERLINE - Publicado em 11/12/2019, às 18h22

Número um da dramaturgia da Record, o bispo Carlos Alves usou seu Instagram para incitar seus pouco mais de 6 mil seguidores a boicotarem o novo filme de Fábio Porchat para a Netflix, o especial A Primeira Tentação de Cristo. Para ele, a obra é uma blasfêmia e desrespeita não somente os fiéis de sua igreja, como também a Deus.

"Nós postamos e repostamos várias coisas o dia todo e todos os dias. Desafio você a repostar esse absurdo. Aceita o desafio?", escreveu o diretor de dramaturgia na ferramenta Stories, provocando seus seguidores.

Na sequência, ele mostra uma foto de divulgação do filme e o preenche com frases de efeito, afirmando que a produção feita pelo Porta dos Fundos para a Netflix é uma afronta aos religiosos, e a chama de "lixo".

"A mais nova blasfêmia do Porta dos Fundos em parceria com a Netflix", continua o bispo. "Esse lixo feito pelo Porta dos Fundos e exibido pela Netflix desrespeita os católicos, evangélicos e cristãos em geral. E sobretudo, desrespeita a Deus."

O diretor Carlos Alves comemorou a chegada de Fábio Porchar à Record, em fevereiro de 2016

Este é o segundo especial de Natal feito por Fábio Porchat e seu grupo de humor para a gigante do streaming. Curiosamente, o filme Se Beber, Não Ceie, lançado em 2018 e vencedor do Emmy Internacional na categoria comédia, não foi alvo de boicote do bispo. O motivo? Naquela época, o apresentador era contratado da Record, onde comandava um talk show.

Quando Porchat foi contratado pela Record, no início de 2016, Carlos Alves era admirador do trabalho do humorista. Tanto que usou seu Instagram na época para tietar e festejar a chegada do dono do Porta dos Fundos à emissora de Edir Macedo.

O filme A Primeira Tentação de Cristo, recém-lançado pela Netflix, tem incomodado os religiosos mais conservadores por fazer uma sátira sobre Jesus Cristo, interpretado por Gregório Duvivier. Na produção, ele se apaixona por outro homem, chamado Orlando (Fábio Porchat), e o apresenta à família como seu namorado.

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Qual é seu programa favorito gravado na quarentena?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook