Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

LUTO NA TV

Morre aos 64 anos Del Rangel, diretor de Programação da TV Cultura

REPRODUÇÃO/YOUTUBE

Del Rangel em entrevista para o canal Sonhar TV, no YouTube, em 20102

Del Rangel em entrevista para o canal Sonhar TV, no YouTube; diretor da TV Cultura morre aos 64 anos

REDAÇÃO

Publicado em 16/7/2020 - 23h40
Atualizado em 17/7/2020 - 15h06

Del Rangel, diretor de Programação da TV Cultura, morreu na noite de quinta-feira (16), aos 64 anos, em decorrência de um infarto fulminante. De acordo com a TV Cultura, ele trabalhou normalmente durante o dia na emissora, no bairro da Água Branca, em São Paulo, e se sentiu mal ao voltar para casa. Del Rangel foi casado com a atriz Regina Duarte entre 1983 e 1995.

"A Diretoria Executiva da Fundação Padre Anchieta comunica, com grande pesar, o falecimento do Diretor de Programação da TV Cultura, Del Rangel, 64 anos, na noite da última quinta-feira (16/7), em decorrência de um infarto fulminante", disse a emissora em nota.

A cerimônia de velório e a cremação acontecerão nesta sexta (17) no Crematório Memorial Parque Paulista, em Embu das Artes (SP), a partir das 12h30.

O SBT também lamentou a morte do diretor em um comunicado enviado à imprensa. "Del Rangel esteve presente em várias emissoras de televisão comandando a dramaturgia em suas mais diversas modalidades, entre novelas, minisséries e especiais. Del tinha 65 anos e deixa sua marca na trajetória da dramaturgia do SBT e da TV brasileira", disse a emissora.

Por meio de nota, a Record ressaltou o trabalho do diretor e lamentou a morte precoce. "Expressamos nossas condolências aos familiares, amigos e aos colegas da TV Cultura de São Paulo, onde ele trabalhava", afirmou a emissora.

Antônio Rangel --seu nome de batismo-- nasceu em Fortaleza, no Ceará, em 1955. O também produtor de televisão trabalhou na Globo, Bandeirantes e Record.

Na Band, esteve à frente de produções como a série As Aventuras de Tiazinha (1999) e a novela Meu Pé de Laranja Lima (1999). Em 2001, atuou na direção da minissérie Os Maias, na Globo, ao lado de Luiz Fernando Carvalho e Emilio Di Biasi.

Antes de assumir a direção de programação da TV Cultura, em 2019, Rangel dirigiu o especial Casamento Blindado, da Record, em 2013. Para as gravações, ele recrutou somente profissionais de cinema e publicidade.

"Se fizesse com o pessoal da Record, teria o jeitão deles. Mas quero levar um 'biscoito fino' para a massa. Estamos fazendo cinema. Pode parecer pretensioso, mas quero levar uma qualidade que até hoje não foi vista na TV", declarou ele para o Notícias da TV na ocasião.

No SBT, na direção de teledramaturgia, participou das produções Vende-se Um Véu de Noiva (2009) e Uma Rosa com Amor (2010), entre outras. No entanto, no final de 2011, foi demitido por Silvio Santos uma semana antes das gravações de Carrossel começarem.

Todo o elenco da novela, que alavancou a audiência noturna da emissora, havia sido escalado por ele. Dois anos depois, o profissional afirmou que o problema que gerou sua saída foi justamente a escalação dos atores, porque não concordou com o pedido de Silvio Santos para colocar Lívia Andrade no papel da professora Helena.

"Eu já tinha escalado ela para outra novela. Sabia que a atriz não tinha o perfil da professorinha recatada. Eu sugeri colocar a Lívia como a malvada da trama e deu certo", comentou.

Rangel dirigiu mais de 20 produções na TV, entre novelas e minisséries, e trabalhou em sucessos do cinema brasileiro como Os Três Mosqueteiros Trapalhões (1980), Os Vagabundos Trapalhões (1982), O Cangaceiro Trapalhão (1983), O Trapalhão na Arca de Noé (1983), entre outros da trupe.

Confira as notas enviadas pela TV Cultura, SBT e Record na íntegra:

"A Diretoria Executiva da Fundação Padre Anchieta comunica, com grande pesar, o falecimento do Diretor de Programação da TV Cultura, Del Rangel, 64 anos, na noite da última quinta-feira (16/7), em decorrência de um infarto fulminante.

O velório e a cremação acontecerão no Crematório Memorial Parque Paulista (rua Suécia, 56 - Jardim Mimas - Embu das Artes), respectivamente, às 12h30 e 13h30".

"O SBT lamenta profundamente o falecimento do diretor Del Rangel, que ocorreu nesta quinta-feira (16). Del Rangel esteve presente em várias emissoras de televisão comandando a dramaturgia em suas mais diversas modalidades, entre novelas, minisséries e especiais.

No SBT, sua primeira passagem se deu em 1994 quando fora escalado por Nilton Travesso para ser um dos diretores de novelas, ao lado de Henrique Martins. Juntos fizeram os sucessos de Éramos Seis, As Pupilas do Senhor Reitor, Sangue do Meu Sangue, Razão de Viver, Os Ossos do Barão, entre outras, além de Teleteatro e A Justiça dos Homens.

A segunda passagem foi entre 2006 e 2012, tendo estado à frente das produções de Cristal, Vende-se um Véu de Noiva, Uma Rosa com Amor, Corações Feridos e a implantação de Carrossel.

Del tinha 65 anos e deixa sua marca na trajetória da dramaturgia do SBT e da TV brasileira".

"A Record TV lamenta profundamente o falecimento precoce de Del Rangel.

Na emissora, Del dirigiu a novela Roda da Vida (2001). De 2001 a 2004 foi diretor artístico da Record TV e lançou programas como o É Show, com Adriane Galisteu, e Domingo da Gente, com Netinho de Paula, Roleta Russa, com Milton Neves, e Tamanho Família, com Raul Gil. Seu último trabalho na emissora foi a direção do especial Casamento Blindado (2013). 

Expressamos nossas condolências aos familiares, amigos e aos colegas da TV Cultura de São Paulo, onde ele trabalhava".

[Correção: ao contrário do que este texto informou inicialmente, o diretor Del Rangel morreu aos 64 anos, não aos 65]

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

O que você achou dos participantes do BBB21?