Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
Twitter
Instagram
Youtube
TikTok

MAYARA RUSSI

Modelo é vítima de preconceito em desfile plus size: 'Aquela jamanta'

REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Mayara Russi durante desfile na São Paulo Fashion Week em 19 de outubro de 2019

A modelo plus size Mayara Russi durante desfile na São Paulo Fashion Week, em outubro de 2019

ELBA KRISS

elba@noticiasdatv.com

Publicado em 19/2/2020 - 5h26
Atualizado em 19/2/2020 - 5h27

A modelo plus size Mayara Russi, estrela do reality show Beleza GG, do canal E!, foi vítima de gordofobia dentro de sua área de atuação. Em um desfile para o qual foi contratada, ela ouviu xingamentos de um produtor, que a teria chamado de "aquela jamanta". Ao Notícias da TV, ela revelou que o episódio a machucou e abalou sua autoestima.

"Eu estava em um desfile com magros e gordos. Virei de costas, ele [o produtor de moda] não viu que eu não tinha saído e falou: 'Difícil vestir aquela jamanta'", relatou. "Por mais autoestima que a gente tenha, ouvir essas coisas machucam. Você tem que trabalhar [a autoestima] todos os dias. Vão ter dias que serão mais difíceis", analisou.

O preconceito, segundo ela, sempre existiu. "Quando comecei a modelar, toda vez que eu chegava no estúdio, não achavam que eu era a modelo. Achavam que eu era a passadeira ou que estava acompanhando alguém", lembrou.

Lutar contra a intolerância e a exclusão de pessoas por causa do peso é a principal bandeira levantada por Mayara, que pensa, principalmente, na nova geração de profissionais plus size. "É muito importante passar para elas não aceitarem qualquer coisa. Você não entra no mercado para buscar autoestima. Sua autoestima tem que estar boa para você entrar no mercado", avisa.

Mayara Russi em catálogo de moda praia plus size

Nas redes sociais, a luta ainda é maior. Ela enfrenta os chamados "médicos de plantão". "Eles perguntam: 'E a saúde, vai bem?'. A gente tem que andar com exame de sangue na bolsa? Não é possível. As pessoas têm que parar com isso", desabafou.

"Sou uma mulher gorda, mas tenho minha vida ativa. Sou uma mulher que pratica exercícios e me alimento bem. Jamais cheguei em alguém e falei: 'Você tem que ficar gordo a vida inteira'. Jamais. Ninguém faz apologia à obesidade. A gente faz apologia ao amor próprio", explicou.

Abrir a vida em um reality show na televisão é para Mayara a oportunidade de debater a gordofobia. "É algo muito sério que a gente tem que tratar sim. E de uma maneira que as pessoas consigam entender, consigam parar para te escutar e não falar: 'Não sou gordofóbico, tenho amigo gordo'. Não é assim que funciona", disse.

No ar desde outubro de 2018, o reality do E! ganhou uma segunda temporada, gravada inteiramente durante 2019. Suas parceiras Fluvia Lacerda e Denise Gimenez também estão na nova leva de episódios.

"Vai estrear em agosto. Estamos muito felizes e já estudando, quem sabe, uma terceira temporada", comemora. "A segunda temporada tem novidade. Já garanto que tem duas novas integrantes, que vocês vão conhecer em breve", finalizou. A data de estreia do Beleza GG ainda não foi definida pelo canal E!.

Veja trechos da primeira temporada do reality Beleza GG: 


Leia também

Web Stories

+
A Fazenda 13: Sem barracos, Liziane frustra público e é eliminada; veja trajetóriaComo Lázaro Ramos e Taís Araujo: 7 casais formados nos bastidores da GloboSex Education vai ter 4ª temporada? Veja cinco curiosidades sobre a sérieA Fazenda 13: Surto na baia e barraco com ofensas marcam primeira semana do realityQuem é Alanis Guillen? Conheça a Juma Marruá do remake de Pantanal

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Além de Pantanal, qual novela antiga merecia um remake?