Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
twitter
Instagram
YouTube

SEPAROU EM 2008

Mariana Xavier ficou sete anos sem beijar na boca após casamento abusivo

REPRODUÇÃO/YOUTUBE

Mariana Xavier em vídeo para seu canal no YouTube em 2019

Mariana Xavier em vídeo para seu canal no YouTube; atriz se separou em 2008 após casamento abusivo

REDAÇÃO

Publicado em 20/5/2020 - 17h56

A atriz Mariana Xavier revelou que ficou sete anos sem beijar na boca após sair de um casamento abusivo. Em transmissão ao vivo nesta quarta-feira (20), ela contou que sofreu agressões psicológicas do ex-marido e demorou para ter a consciência de que estava vivendo algo ruim. "Quando saí desse relacionamento, me chafurdei em trabalho e assim fiquei", declarou.

"Depois que me separei, fiquei sete anos sem beijar na boca", completou durante live para a revista Marie Claire. Em março de 2019, a artista da franquia Minha Mãe É Uma Peça deu seu depoimento sobre os abusos em seu canal no YouTube.

"É um tema difícil de falar. Até hoje recebo muitas mensagens de pessoas que só perceberam que estavam vivendo ou que viveram um relacionamento abusivo quando escutaram meu relato", contou a artista de 39 anos.

"Quando eu saí desse casamento, eu não era capaz de aceitar que aquilo era abusivo. A gente tem a tendência de achar que um relacionamento é abusivo se tem violência física. É mais fácil enxergar e fazer as outras pessoas te apoiarem se acontecer uma agressão física, se aparecer com olho roxo ou um braço quebrado. Quando a violência é psicológica, ela é muito mais fácil de negligenciar", avisou.

Para Mariana, a sociedade tem um papel nesse tipo de pensamento retrógrado. "A mulher foi criada com ideias de que tem que ser paciente: 'Ele é homem, ele é menino, ele vai aprender, ele é assim mesmo, faz isso porque te ama, ele está com ciúmes porque não quer te perder, ele te bate porque te ama'. Oi? Nunca e em hipótese alguma esses dois conceitos deveriam estar relacionados", alertou.

"O meu relacionamento começou com dois grandes erros. Um: o meu ex-marido dizer que eu era a salvação da vida dele. Dois: eu acreditar", avaliou. Segundo ela, seu ex-parceiro minava sua autoestima. "Eu vivia num campo minado e pisando em ovos porque nunca sabia quando ele teria uma mudança de humor bizarra. Fui murchando", relembrou.

Mariana se separou em 2008 e, hoje, consegue assimilar melhor o que viveu. Admite que o ex também precisava de auxílio. "Não vejo meu ex-marido como um mau-caráter, psicopata ou que fazia aquilo de caso pensado. Acho que era uma pessoa que precisava de ajuda e não admitia", ponderou.

Quando decidiu se separar, Mariana contou que ficou anos sem investir em um novo amor por medo. "A coisa que eu mais fazia era pedir a Deus que eu não me tornasse uma pessoa amarga, que eu não me tornasse uma pessoa descrente no amor, que eu não me tornasse uma pessoa desacreditada da possibilidade de existir um relacionamento saudável", revelou.

"Como eu sempre fui uma pessoa de ficar longos períodos sem ficar com ninguém, cara, esses sete anos [sem beijar] passaram e eu nem percebi. Esse jejum foi quebrado com uma pessoa que eu conhecia de muitos anos atrás. Acho que foi uma forma de me sentir segura", completou.

Em agosto de 2019, Mariana assumiu namoro com o ator Diego Braga. "Só fui namorar, com rótulo de namoro, agora. Demorou, mas veio caprichado", finalizou.

Veja a transmissão em que Mariana Xavier relembrou a seca:

Leia também


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Mais lidas

Enquete

Quem deve ser a nova Juma Marruá?