ISENTÃO

Cancelado na internet, Fábio Porchat rebate críticas após declaração sobre Bolsonaro

REPRODUÇÃO/GNT

Imagem de Fábio Porchat no palco do Que História É essa, Porchat?

Apresentador do Que História É essa, Porchat?, Fábio se envolveu em uma nova polêmica por declaração sobre Bolsonaro

REDAÇÃO - Publicado em 17/01/2020, às 12h08

Fábio Porchat mal se livrou da polêmica sobre o especial de Natal do Porta dos Fundos e já se envolveu em outra. Desta vez, o humorista foi cancelado no tribunal da internet por dizer que "a única coisa boa que Bolsonaro fez foi tirar o Partido dos Trabalhadores". Após ficar entre os assuntos mais comentados no Twitter, ele tentou se defender. "Não posso achar o Bolsonaro uma besta nociva e achar o Lula safado ao mesmo tempo?", questionou.

A declaração sobre o atual presidente foi feita durante uma entrevista, em 9 de dezembro, no canal do Youtube de Rica Perrone, mas só viralizou na quinta-feira (16). O humorista, que está fora do Brasil, tentou amenizar a situação depois de ver que foi cancelado na web:

Os internautas se revoltaram com a afirmação do apresentador do GNT e não ouviram a entrevista completa. Porchat também dedicou boa parte da conversa para criticar Jair Bolsonaro. Pela frase isolada, alguns seguidores chegaram a acreditar que o humorista teria votado no atual presidente.

A afirmação de Fábio foi até comparada as falas da atriz Luana Piovani, que sempre se enrola ao dar declarações superficiais contra a corrupção. Veja:

Na entrevista, Porchat conta que não votou no primeiro turno por estar viajando, mas sua escolha teria sido Marina Silva, por considerá-la ponderada. Já no segundo turno, o apresentador votou em Fernando Haddad, do Partido dos Trabalhadores.

"Eu odeio o Bolsonaro, é a pessoa mais despreparada do mundo, acho ele nocivo para o país. Não ia conseguir votar nesse homem, ele é doido de pedra, maluco", declarou o humorista.

"O Lula fez coisas positivas, que nenhum outro presidente fez. Mas acho ele um safado, acho que ele roubou. Tem Petrolão, Mensalão", afirmou Fábio sobre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que foi preso por corrupção em abril de 2018 e está solto desde outubro do ano passado. Assista a entrevista completa:

A tentativa de defesa de Fábio Porchat não deu muito certo, ele continuou sendo criticado pelos internautas, que reclamaram de sua isenção. "Temos provas do Bolsonaro ser assim [preconceituoso], o Lula não", disse um perfil identificado apenas como Tom. Confira mais reações:

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Que jornalista está fazendo o melhor trabalho durante a pandemia?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook