Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
X
Instagram
Youtube
TikTok

QUER RESPOSTA

A Grande Conquista 2: Guipa pede para ir à zona de risco caso Baronesa escape

REPRODUÇÃO/PLAYPLUS

Guipa em A Grande Conquista 2

Guipa em A Grande Conquista 2; jornalista quer ir à zona de risco para receber resposta do público

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 15/5/2024 - 15h08

Guipa está confuso com relação a sua posição no jogo de A Grande Conquista 2. Depois de discutir com Catia Paganote, o jornalista está com medo de ter entendido de maneira errada as coisas que já foram ditas e quer ir para a zona de risco para ter uma resposta do público. Ele pediu para Claudia Baronesa que, caso ela escape na Prova da Virada, o indique para a berlinda. "Preciso entender o que está acontecendo lá fora", disparou.

Em papo com João Hadad, o radialista relembrou a confusão que se formou depois da zona de risco na terça (14) e admitiu que não sabe se falou coisas coerentes. A formação da berlinda causou uma briga generalizada entre ele, Bruno Cardoso, Liziane Gutierrez e a ex-paquita.

"Eu tô muito triste com o que aconteceu ontem, tá ligado? E eu não consegui falar com ninguém, porque à noite meu TDAH [transtorno do déficit de atenção com hiperatividade] tá bombando. Eu fiquei pensando agora de manhã pulando corda e cheguei à conclusão de que eu preciso entender o que tá acontecendo lá fora", começou ele.

"Óbvio que eu não quero sair, mas eu também não quero colocar as pessoas na reta que estão sendo envolvidas em uma situação que eu não sei se eu criei ou se realmente o que eu falei procede. A gente consegue ter dupla interpretação", justificou. 

Guipa explicou o que o levou a entender a situação de uma maneira diferente e admitiu que quer ser colocado direto na zona de risco para entender o posicionamento do público com relação a isso.

Eu não quero que o Bruno coloque a Lizi, não quero que o Rambo coloque a Lizi e eu não quero que a Baronesa coloque ninguém. Eu quero ser colocado. Não porque eu quero sair, mas porque eu quero saber a resposta do público. Eu quero saber se o público acha que eu tô mentindo ou se tô falando a verdade.

O ex de Thaísa Daher se explicou, citando que tem se sentido confuso dentro da Mansão. "Eu não sou uma pessoa que mente lá fora, só que aqui eu tô perturbado, eu não tô raciocinando. Passou pela minha cabeça: 'Será que eu tô mentindo mesmo?', porque eu não tô raciocinando. Então, se você puder falar com o Bruno, com o Rambo e com a Baronesa, que também tá chateada comigo porque acha que eu menti", afirmou ele.

No mesmo momento, Claudia Baronesa apareceu na varanda, e Guipa a chamou para conversar. "Ontem eu não consegui, por conta do meu nervosismo e da minha ansiedade, me manifestar a respeito do que aconteceu. Eu queria que você, o Bruno e o Rambo me colocassem na zona de risco, independentemente do que for. Não porque eu quero sair, mas porque eu quero uma resposta", pediu ele.

Ele afirmou que não queria prejudicar ninguém de que gosta dentro da casa por conta de um mal-entendido, e Baronesa confirmou que estava chateada com o radialista. "Eu falei que não entraria no embate de vocês, porque eu não sabia o que estava acontecendo. Mas eu fui verdadeira para você, eu fiquei chateada, magoada e me coloquei naquela situação de zona para defender, inclusive, você", disparou ela.

"Porque você foi um nome que ele [Rambo] citou, e eu não aceitei. E fiquei muito chateada porque eu poderia ter aceito, pelo que eu vi ali na sala", contou a dona da Mansão, que foi parar na berlinda por não entrar em consenso com Rambo sobre um nome em comum para indicar. 

Ainda assim, ela alegou que ele não é uma opção para ela, caso ela se salve na Prova da Virada. Guipa insistiu para ir para a zona de risco. "Tô te pedindo de joelho. Por favor, me coloca. Eu quero uma resposta. Se eu voltar, é sinal de que eu tô no caminho, que eu tô falando a coisa certa. Se eu não voltar, é que eu tô louco e preciso sair daqui", suplicou ele, que acredita que está sendo afetado por sua ansiedade.


Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.