Sete Vidas

Diana desiste de adoção e deixa Irene arrasada ao levar bebê embora

Reprodução/TV Globo

Irene (Malu Galli) perderá a guarda da filha adotiva nos próximos capítulos de Sete Vidas, novela das seis - Reprodução/TV Globo

Irene (Malu Galli) perderá a guarda da filha adotiva nos próximos capítulos de Sete Vidas, novela das seis

ODARA GALLO - Publicado em 10/06/2015, às 02h15 - Atualizado às 05h54

Quando a rotina de mãe e profissional estiver entrando nos eixos para Irene (Malu Galli), ela perderá novamente o chão ao saber que Diana (Bianca Comparato) desistiu de abrir mão da guarda da filha em Sete Vidas, novela das seis da Globo. A publicitária ficará devastada ao ter a bebê tirada de seus braços e levada pela mãe biológica, após uma audiência com uma juíza.

No capítulo do dia 24, o advogado de Irene contará que Diana acionou a Justiça para desistir de entregar a filha para adoção. Irene ficará incrédula com a notícia. “Eu estou com a Dora há mais de seis meses! Eu estabeleci laços, eu tenho uma vida com ela! Isso é uma violência!”, argumentará. “Infelizmente, se tivessem se passado, digamos, dois ou três anos, certamente o juiz olharia pro caso de outra forma, mas seis meses é um prazo bastante razoável pra que ela reveja a sua posição”, explicará o advogado.

A publicitária sairá desnorteada da reunião e, acompanhada de Lígia (Débora Bloch), irá atrás da assistente social responsável pela adoção para um apelo desesperado. “Pelo amor de Deus, a essa altura eu prefiro lidar com a verdade, seja qual for. O que eu não posso é continuar nessa angústia. Por favor, eu peço que você me fale: a Diana esteve aqui?”, perguntará Irene.

“O que eu posso lhe dizer é que, sendo tão jovem, parece que somente agora a Diana foi capaz de acessar determinados sentimentos que antes, talvez, estivessem bloqueados, represados. Agora, pelo visto, ela consegue avaliar como se sente diante dessa falta”, explicará a assistente social.

Em uma última tentativa desesperada de reverter a situação, Irene abordará Diana na porta de casa. “Me explica pelo menos o que aconteceu. Não me deixa assim no escuro, porque isso é insuportável”, pedirá, angustiada. A garota tentará desconversar, mas a publicitária não vai desistir de esclarecer tudo.

“Diana, presta atenção. Olha pra mim. Eu quero ouvir da sua boca: Foi você quem tomou essa decisão, ou tem alguma outra coisa, alguma outra pessoa por trás disso?”, perguntará. “Bom, se a senhora quer saber, fui eu mesma. Eu estou dentro do prazo, e é meu direito pedir a minha filha de volta”, responderá em tom seco, antes de dar as costas para pegar o ônibus.

As duas voltarão a se encontrar na sala de audiência do Juizado da Infância, no capítulo do dia 25, e Diana reafirmará sua intenção de criar a filha. A juíza acatará o pedido e determinará que Irene devolva Dora para a mãe biológica no mesmo dia.

Na cena, que promete ser carregada de emoção, Irene aparecerá em frente à sua casa com a bebê no colo, chorando, encarando a filha sem dizer uma palavra, como se quisesse aproveitar os últimos instantes ao lado dela. A assistente social agradecerá o fato de a publicitária ter respeitado a decisão da juíza. “Tem gente que acha que criança pequena não percebe, mas a verdade é que elas sentem as coisas. E é muito bom que possa ser assim, em paz”, falará a mulher.

Até que Irene disparará um olhar incrédulo para a assistente social e, após dar uma última conferida em Dora, entregará a bebê. “Obrigada, dona Irene. Desculpa por tudo”, dirá Diana, constrangida. Lígia ficará encarregada de consolar a irmã.


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

 

 

Enquete

Qual protagonista de Deus Salve o Rei você mataria?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook