Mercado

LINHA DE SUCESSÃO

Globo promove mudanças no comercial e cria conselho executivo de negócios

Tomás Artuzzi/TV Globo

Marcelo Duarte assume a direção geral de negócios da Globo, mas terá apoio de Willy Haas - Tomás Artuzzi/TV Globo

Marcelo Duarte assume a direção geral de negócios da Globo, mas terá apoio de Willy Haas

REDAÇÃO - Publicado em 08/12/2017, às 14h22

A Globo anunciou nesta sexta (8) uma mudança em sua estrutura comercial: foi criado um conselho executivo de negócios, composto pelo diretor-geral da emissora, Carlos Henrique Schroder, e pelo diretor-geral de negócios e número 2 na hierarquia da casa, Willy Haas. Com a promoção de Haas ao conselho, Marcelo Duarte assume a direção geral de negócios, e passa a ser responsável pelas atribuições que antes eram do executivo, que se aposentará em 2018.

Segundo comunicado da Globo, a criação do conselho faz parte do processo sucessório de Haas, conduzido por ele desde 2013, com acompanhamento de Schroder e colaboração de uma consultoria interna. Duarte, na Globo há mais de 20 anos, atualmente é diretor de comercialização, subordinado a Haas, e vinha se preparando para substituir o chefe.

Marcelo Duarte passará a se reportar diretamente a Schroder, mas contará com o apoio do conselho executivo ao longo do próximo ano. O "board", como batizado pela Globo, terá atribuições claras de apoio, inspiração e aproveitamento de oportunidades.

Desde 2013, a Globo tem promovido uma reestruturação em sua diretoria de negócios, com a adoção de novos modelos de atendimento e de relacionamento com o mercado, a integração definitiva das plataformas de internet e televisão.

"Na Globo, acreditamos em talento e em oportunidades de desenvolvimento profissional. Talentos, sobretudo talentos como o Willy, são insubstituíveis, mas suas entregas precisam continuar e evoluir sempre. Por isso, acreditamos que sucessões são processos continuados e não momentos isolados. E investimos seriamente nesses processos sucessórios de longo prazo para nossos executivos, com igual atenção à estratégia, ao planejamento e à sua execução", explicou Schroder na nota.

"Com Marcelo [Duarte] nessa nova função e com o apoio do board executivo, entramos nesta próxima fase seguros, tranquilos e cada vez mais preparados para o futuro."

"Tem sido um privilégio trabalhar com tanta dedicação e seriedade nas diferentes etapas desse processo sucessório, sobretudo com a oportunidade de seguir em frente apoiando o Marcelo, companheiro de tantos anos e de tantos sucessos. Marcelo está pronto para mais este desafio e poderá contar com a minha colaboração e entusiasmo, como parceiro e como membro do board executivo de Negócios, ao lado do Schroder", disse Willy Haas, em comunicado à imprensa.

Curta no Facebook Curta no Facebook
Siga no Twitter Siga no Twitter

Notícias da TV Recomenda

Vitória: A Vida de uma Rainha

Ficha técnica: Drama, Inglaterra, 2016. Criação: Daisy Goodwin. Elenco: Jenna Coleman, Tom Hughes, Peter Bowles, Eve Myles, Rufus Sewell. Disponível no Now.

Vitória: A Vida de uma Rainha

Sinopse: Monarca mais importante do Reino Unido, a rainha Vitória (Jenna Coleman) é tema de uma série que mostra seu reinado a partir da chegada ao trono, aos 18 anos, e seu relacionamento com o primeiro-ministro Lord Melbourne (Rufus Sewell) e o casamento com o príncipe Albert (Tom Hughes). Suas duas únicas temporadas (até agora) só estão disponíveis em vídeo sob demanda.

Por que assistir: Indicada a dois Emmys e eleita melhor drama no Festival de Monte-Carlo, a produção impressiona pela reconstituição primorosa da era vitoriana, com belos cenários e figurinos. Nos Estados Unidos e na Inglaterra, críticos classificaram a série como a sucessora natural da premiada Downton Abbey (2010-2015). A atriz Jenna Coleman, querida pelos fãs de Doctor Who, brilha na pele da monarca.

Assista agora no NOW

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve estar logado no Facebook. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

ENQUETE

Enquete

O que está dando errado em Deus Salve o Rei?

Compartilhe: