Memória da TV

Sucesso da Cultura, série Mundo da Lua tem versão que nunca foi ao ar

Fotos Divulgação

O elenco da série Mundo da Lua, com Fagundes de bigode, após mudanças feitas pela Cultura - Fotos Divulgação

O elenco da série Mundo da Lua, com Fagundes de bigode, após mudanças feitas pela Cultura

THELL DE CASTRO - Publicado em 02/10/2016, às 10h04

Um dos maiores sucessos da premiada programação infantil da TV Cultura, a série Mundo da Lua poderia ter tido uma trajetória totalmente diferente. Isso porque foram gravados quatro episódios com uma proposta diferente daquela que foi levada ao ar e obteve muita repercussão _inclusive na Globo. Esses quatro episódios, que continuam inéditos até hoje, traziam o personagem de Antonio Fagundes sem bigode.

Criada por Flávio de Souza (que também vivia o personagem Dudu), Mundo da Lua estreou no dia 6 de outubro de 1991 e foi exibida até 27 de setembro de 1992, com 52 episódios transmitidos aos domingos. A produção, que chegou a ser o programa mais visto da Cultura, contava com nomes de peso, como Antonio Fagundes e Gianfrancesco Guarnieri, cedidos pela Globo, e o garoto Luciano Amaral, eternizado no papel de Lucas Silva e Silva.

Mas, antes de encontrar o formato definitivo, a Cultura produziu uma primeira versão, que se passava em um apartamento _e não em uma casa.

O elenco na versão inédita da série Mundo da Lua

Boa parte do elenco era a mesma, mas Etty Fraser fazia Ivone, avó de Lucas (depois vivia por Liana Duval). Posteriormente, Fraser apareceu na série como Iolanda, tia-avó do garoto. Outro ator também o avô Orlando, papel eternizado por Guarnieri. Mais um detalhe: Rogério (Antonio Fagundes) não usava bigode. Até o modelo do gravador usado por Lucas seria diferente.

Como não ficou satisfeita com os resultados, a emissora promoveu várias mudanças na série, chegando ao formato considerado ideal.

Exibição na Globo

A série custou US$ 800 mil na época. A Cultura investiu US$ 300 mil e o restante foi bancado pelo Sesi (Serviço Social da Indústria) e pela Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo). Lucas estudava no Sesi, onde seu pai, Rogério, dava aulas.

A Globo não participou da produção, apenas cedeu alguns artistas de seu elenco. Além de Fagundes e Guarnieri, participaram da série Lucinha Lins, Laura Cardoso e Edson Celulari, entre outros contratados da emissora. Em troca, fez um acordo com a Cultura. Após a exibição original da série, também poderia mostrá-la em sua programação.

E assim foi feito a partir do começo de 1993, quando Mundo da Lua entrou no lugar do programa de Sérgio Mallandro, a partir das 8h, dividindo a grade com reprises do Xou da Xuxa. Vale lembrar que a apresentadora encerrou seu programa matinal diário em 31 de dezembro de 1992. Pouco tempo depois, em abril de 1993, estreou nesse horário a TV Colosso, que ficou no ar até 1997.

Mundo da Lua, por sua vez, já teve inúmeras exibições na Cultura e pode ser vista até hoje, diariamente, no canal Rá Tim Bum, da Fundação Padre Anchieta.


 THELL DE CASTRO é jornalista, editor do site TV História e autor do livro Dicionário da Televisão Brasileira (Editora InHouse). Siga no Twitter: @thelldecastro


► Curta o Notícias da TV no Facebook e fique por dentro de tudo na televisão

► Siga o Notícias da TV no Twitter: @danielkastro

Leia também

Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.

Enquete

Você vai acompanhar Salve-se Quem Puder?

Últimas notícias

Compartilhar no Facebook
Curta no Facebook