Menu
Pesquisar

Buscar

Facebook
X
Instagram
Youtube
TikTok

ENCONTRO

Patrícia Poeta engole o choro ao vivo com tragédia no RS: 'Fiquei muito mexida'

REPRODUÇÃO/TV GLOBO

Patrícia Poeta segura o choro no Encontro

Patrícia Poeta segura o choro no Encontro; apresentadora se emocionou com situação do RS

REDAÇÃO

redacao@noticiasdatv.com

Publicado em 15/5/2024 - 10h47

Patrícia Poeta não conseguiu conter a emoção com reportagem sobre a atual situação do Rio Grande do Sul. Nesta quarta (15), o Encontro exibiu um momento de solidariedade entre voluntários e moradores que seguem em suas casas alagadas no Estado gaúcho. Com a voz embargada, a apresentadora confessou que precisou engolir o choro com as cenas. "É muito triste ver isso", afirmou.

O repórter Mateus Marques, que está em Porto Alegre, conversou com a jornalista diretamente de um dos abrigos que acolhe pessoas resgatadas das enchentes que assolaram a capital. "São pontos de acolhimento, para que as pessoas tenham um pouquinho de carinho e também tenham suas necessidades atendidas", disse.

O local, improvisado na quadra de um clube, abriga 250 pessoas. Ele também fez uma reportagem com voluntários que se deslocam de barco pela cidade para levar suprimentos para pessoas que continuam em suas casas --e foi nesse momento que Patrícia não conseguiu segurar a emoção.

Cidadãos relataram que estão com medo dos saques e sem a possibilidade de deixarem suas residências. "Se não fossem os voluntários, a gente não seria nada aqui", enalteceu uma das moradoras que recebe alimentos por meio da ajuda de outras pessoas. 

Uma senhora de quase 70 anos contou que não quis sair por conta da dificuldade de mobilidade e pela certeza de saber que o andar onde mora em um edifício não seria atingido pelas enchentes.

Já outro morador precisa se deslocar pelas águas contaminadas para conseguir pegar alimentos, mas ainda deixou uma mensagem de esperança. "É o momento de exercício de fé. Tem que crer e colocar em prática. A humanidade tem que mudar", afirmou ele, que não foi identificado, antes de agradecer o apoio e convidar os voluntários para um churrasco para comemorar quando tudo passar.

A reportagem deixou Patrícia Poeta visivelmente abalada. Quando a apresentadora não conseguiu falar, Mateus Marques tomou a frente. "Agradecer essas pessoas que compartilham suas histórias com a gente e nos recebem com tanto carinho. Eu e o repórter cinematográfico Henrique Pinho, a gente vai ouvindo, ouvindo, ouvindo e sempre é recebido por essas pessoas com carinho", declarou.

"Só assim a gente consegue transmitir o sentimento que o Estado está nesse momento. A gente sabe que vai passar, e a gente segue por aqui contando cada história de quem tá passando por dificuldade, de quem tá infelizmente nessa situação em um abrigo, ou dentro de casa, como essas histórias que a gente contou agora", finalizou.

Limpando as lágrimas, a jornalista confessou que se emocionou. "Valeu, Mateus. Eu fiquei muito mexida. Engole o choro aqui. É muito triste ver isso, né? São tantos dias, assim, mas emociona também ver as pessoas se ajudando", admitiu.

"Que essa corrente de amor é realmente muito bonita. Obrigada, bom trabalho para você. Vamos para o intervalo rapidinho, vou tomar um gole d'água aqui", afirmou.

Mais lidas


Comentários

Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.